Desporto

A grande festa do Atletismo

Vindos de todo o território nacional, incluindo as Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira, 1100 atletas testaram a sua resistência e velocidade no Circuito das Açoteias, em Albufeira, nos dias 23 e 24 de fevereiro.

A prova reuniu desporto federado, universitário e escolar numa só manhã.

[cycloneslider id=”159931″]

A cerimónia de abertura para os atletas, que devia ter-se realizado na noite de sexta-feira, dia 23, no Palácio dos Congressos, contava com atuações de dança e acrobática. Esta acabou por não se realizar, devido ao falecimento do presidente da câmara de Albufeira, Carlos Silva e Sousa, a quem foi dedicado um minuto de silêncio no início das provas. Muitos atletas estreantes ficaram desiludidos pelo cancelamento da cerimónia, enquanto os mais experientes escolheram recolher mais cedo para descansar para a sua prova.

Nesta prova, foram apurados os atletas que vão representar Portugal no Corta-Mato Mundial que decorrerá em Paris, de 2 a 7 de abril deste ano. É de notar que nesta edição do Corta-Mato Portugal só levou atletas para uma prova e não duas, como costuma ser o habitual. Com estas alterações, só se qualificam os 6 primeiros atletas da geral, sendo que fica de fora a equipa vencedora. Assim, vários atletas que venceram não vão ter direito a esta experiência.

Medalha do Desporto Escolar

No desporto escolar, Duarte Gomes é um dos atletas a destacar, pelo facto de ter ido a dois pódios muito importantes e se ter qualificado para o Mundial. O atleta de 17 anos da CLDE de Loures, Odivelas e Vila Franca de Xira (Coordenação Local do Desporto Escolar) conseguiu o 3º lugar no escalão dos juvenis, que abrange alunos do 10º ao 12º ano, contribuindo para a consagração da Escola Secundária Gago Coutinho como tetra campeã nacional.

Os tetracampeões nacionais

O atleta disse sentir-se, em primeiro lugar, lisonjeado por fazer parte da “grande equipa” que é a Escola Secundária Gago Coutinho e pelos restantes membros confiarem nele para fazer uma boa pontuação. No que toca à qualificação para o mundial, Duarte acha que “vai ser uma experiência fantástica, quer a nível desportivo, quer a nível pessoal”, já que será a sua segunda vez na competição, apesar de ter de ir com atletas que não fazem originalmente parte da sua equipa. Duarte marcou também presença no Mundial de 2015/2016, em Budapeste, Hungria.

Duarte Gomes no pódio

O Corta-Mato é a prova mais antiga do Desporto Escolar, já que se realiza desde o ano letivo 1973/1974. É de notar que participam pela terceira vez alunos com Necessidades Educativas Especiais (NEE).

Ficam aqui os pódios desta “grande festa do atletismo”, por escalão, com os nomes da direita para a esquerda (e não por classificação).

[cycloneslider id=”a-grande-festa-do-atletismo-2″]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *