Aguarelas no Palácio

O Palácio Nacional de Mafra celebra, no corrente ano, 300 anos de existência e, em forma de celebração, recebe o trabalho de Paulo Ossião.

O Palácio Nacional de Mafra festeja o seu tricentenário e recebe as aguarelas do artista Paulo Ossião, que se encontram lado a lado com as peças permanentemente em exposição.

As peças em exposição resultam essencialmente de um trabalho introspetivo: o artista, cuja carreira foi impulsionada pelo amor que a propópria mãe nutria pela pintura, tratou de desmontar as várias componentes do monumento barroco e de as pintar, em aguarela, segundo o significado e dimensão que para ele representam.

A disposição das telas promove, segundo Mário Pereira, diretor do Palácio de Mafra, a atenção aos detalhes e pormenores do monumento, e facilita a criação de um mundo próprio quando presentes no espaço, à semelhança daquilo que fez o artista.

A visita à exposição das peças implica o pagamento da taxa habitual para a visita ao monumento, que, aos domingos, é totalmente gratuita e que, nos restantes dias da semana, dispõe de desconto para estudantes.

A exibição das telas em questão iniciou-se no mês de Maio e estará no palácio até 10 de Setembro.

Posted in Artes Visuais e Performativas and tagged , , , , , .

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *