Franny and Zooey

2017 começou e uma das primeiras coisas que fiz foi aventurar-me nas obras de J.D. Salinger, algo que há já muito queria fazer. Franny e Zooey é uma obra que junta duas histórias do autor – Franny, de 1955, e Zooey, de 1957, ambas originalmente publicadas na revista americana The New Yorker. Não posso (nem…

O nome de Rosa

Umberto Eco foi um dos maiores críticos, ensaístas e escritores do nosso tempo. Um homem de uma enorme cultura, acompanhou, estudou e dissertou sobre os principais acontecimentos dos séculos XX e XXI. Mas, acima de tudo, Eco foi um homem de linguagem: foi escritor, filósofo, semiólogo, linguista e bibliófilo e muito mais. Nascido em 1932…

Quem tem unhas é que escreve

Desenhador de palavras sobre Alves Redol Longas jornas de trabalho debaixo do sol quente, trabalhadores agrícolas famintos, desorganizados e explorados. Uma luta entre mentalidades desiguais. Pobreza material mas também de espírito. Estas são as linhas principais do romance “Gaibéus”, de Alves Redol. O escritor neo-realista dotado de um espírito jornalístico chegou mesmo a viver junto…

Como (re)viver depois de uma morte

“Quando Aqui Estavas” é um livro que fala sobre o luto, sobre como fazê-lo, sobre compreender as razões que levam alguém a fazê-lo, e quais poderão ser as razões para ficar. Neste livro, conhecemos Danny, um rapaz de 18 anos que perdeu há pouco tempo a sua mãe e que se vê sozinho com esta…

Os livros que marcaram os meus 20 anos

Nestas duas décadas que já tive o privilégio de viver (maneira de fazer parecer 20 anos muito tempo de vida) muitos foram os livros e as obras que me inspiraram, influenciaram e mudaram a minha perspetiva do mundo. Ou não: há também aqueles que simplesmente me proporcionaram bons momentos de diversão, descontração e – aquilo…