Amo-te como sempre te amei

Amo-te como sempre te amei,
Como fui feita para te amar.
Não consigo não te amar
Se não da forma como te amo.
Engano-me sempre que de ti fujo,
Porque só te quero junto a mim.
Só gostava que me amasses assim.
Quero-te como sempre te quis,
Como fui feita para te querer.
Não consigo não querer
Um abraço ou um beijo teu.
Será loucura desejar que sejas meu?
Um poema de Joana Ochôa
10947958_863241157051593_1290293604_o

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *