• 7ª Arte

    Haverá sempre espaço para ele

    Poster do filme, fonte: RTP A melhor maneira de preservar a memória de João Cesar Monteiro é ver os seus filmes. Nenhum é mais Português do que “Recordações da Casa Amarela”, peça essencial do cinema Europeu do século XX. João Cesar Monteiro (1939-2003) foi sempre visto por parte do grande público como um marginal, inadequado ao mainstream. Já nos anos de 1960, como crítico de cinema, era conhecido pela sua ironia muitas vezes incompreendida, mas sempre desafiante, mesmo em época de censura. Na década seguinte, Cesar Monteiro seria um dos grandes impulsionadores da chamada “antropologia visual” no cinema, iniciada por Manuel de Oliveira e explorada por ele em filmes como…

  • 7ª Arte

    A Star is Born: O filme que não chegou para o estrelato

    A Star is Born acompanha a história de Jackson Maine, um músico country que conhece uma empregada de mesa e cantora num bar de Drag Queens – Ally. As lutas no filme são constantes: Ally luta por um lugar no mundo da música e Jackson luta para perceber que os seus dias de estrelato na música estão a terminar. Bradley Cooper é o nome em destaque. Se há alguém que merece o título de  homem dos sete ofícios é, sem dúvida, ele. Realizador, diretor e ainda o ator principal, Cooper é acompanhado por Lady Gaga numa história de amor e de fama à mistura. Jackson Maine é um músico country…

  • Artes Visuais e Performativas

    Desvendando o mundo das tunas

    Muitas vezes são associadas à praxe, ao traje, ao estilo de vida boémio. No entanto, adotando uma perspetiva diferente, é possível perceber que existe algo mais dentro deste mundo. Muitos já ouviram falar das tunas, mas poucos são os que têm noção do trabalho e dedicação que estes estudantes desenvolvem ao longo de vários anos letivos – não só nos respetivos cursos, mas também na música, em simultâneo. “Não sabia tocar quando entrei. Hoje, diria que quando pego num bombo, tarola ou cajon já vou fazendo mais do que tocar aquilo que aprendi especificamente. Em termos de voz, aprendi a ser mais afinada”, explica Joana Ribeiro. Com 26 anos, dos…

  • Desporto

    Remontada à la Keiser

    A 13º ronda do campeonato teve início na sexta feira. Coube ao Portimonense e ao Vitória de Setúbal darem o pontapé de saída para mais um fim de semana de futebol. Portimonense 3-1 Setúbal Em Portimão, o Portimonense dominou a primeira parte e só precisou de dez minutos para colocar-se em vantagem. O defesa central Jedson inaugurou o placard a favor da equipa da casa. O segundo golo do Portimonense surgiu a três minutos do intervalo e foi marcado por Jackson Martinez, após assistência do defesa direito Manafa,. Na segunda parte, Lito Vidigal, treinador do Setúbal, operou duas mudanças no onze na tentativa de mudar o rumo do jogo. Porém,…

  • Desporto

    Resumo da 12º jornada da Liga NOS: Dragão Compressor v Keizerball

    Após um início de campeonato extremamente renhido, onde nenhuma equipa se destacou, a tabela, naturalmente, começa a separar as equipas em diferentes patamares, quando nos encontramos com um terço da época completo. Os quatro grandes (se contarmos com o Braga neste grupo) isolam-se no comando do campeonato, seguidos do normal grupo de outsiders que lutam entre si pelo restante lugar europeu e do qual poderá sair o finalista da taça, por exemplo. No entanto, as diferenças para lá do quarto lugar ainda são escassas o suficiente para podermos dizer que, apesar de improvável, quem está agora em sétimo, oitavo, nono, décimo, etc. ainda pode acabar despromovido com alguma facilidade, tal…

  • Desporto

    Futebol Internacional – Sexta Jornada

    Competições Europeias:  6ª jornada – Porto igualou pontuação histórica na Liga dos Campeões. Sporting vence Vorksla e o Benfica é cabeça de série na Liga Europa. A vitória do Porto, em Istambul, permitiu aos dragões igualarem a melhor pontuação da sua história na fase de grupos da Liga dos Campeões. O triunfo por 3×2 conseguido em Istambul diante do Galatasaray permitiu ao FC Porto igualar o seu melhor registo pontual da história na fase de grupos da Liga dos Campeões. Com cinco vitórias e apenas um empate, a equipa azul e branca somou um total de 16 pontos. Para encontrar uma pontuação idêntica, deve-se recuar até à edição de 1996/97,…

  • Literatura

    Jólabókaflóð: a tradição islandesa de dar livros no Natal

    Já imaginaste se todos os teus presentes de Natal fossem livros? Essa é a tradição na Islândia! Neste país, é frequente comemorar o Natal com a troca ou oferta de livros. Fonte: https://www.shutterstock.com/image-photo/woman-reading-book-drinking-coffee-christmas-238698571 Jólabókaflóð significa “inundação de livros no Natal” e é, tal como a tradução indica, um apelo para que se ofereçam livros na época natalícia. Esta tradição teve origem em plena Segunda Guerra Mundial, altura em que a Islândia lutava contra a Dinamarca pela sua independência. Perante esta conjetura de guerra, foi feito um racionamento de todos os produtos, à exceção do papel. Desta forma, os livros tornaram-se a única prenda possível no Natal. De acordo com esta…

  • Literatura

    Milan Kundera – A arte de desassossegar

    Falar de Milan Kundera é falar de surrealismo real e de questões que são a própria resposta. A temática do autor não vive na contradição, mas é, per si, a sua própria resolução. É neste terreno que Kundera se move, se experimenta e nos experimenta. Fala da gente e das gentes em tom provante e confrontativo, levantando o véu daquilo que parece não ter camadas, e reduzindo a insignificância aquilo que, à partida, poderia deixar o nosso pensamento dormente. Kundera vira do avesso os princípios mais elementares da nossa vivência. Fonte: https://cultura.estadao.com.br/blogs/babel/wp-content/uploads/sites/110/2014/03/kundera.jpg?fbclid=IwAR1OobQSvv6AQ5wiPh658E5ncRDGhG3eFoWAiwlpmpj7cqhZ90oqSxvVPn4~ Não é fácil falar de Milan Kundera e reduzi-lo a meia dúzia de categorias, técnicas, características e idiossincrasias.…

  • Literatura

    Há livros que não nos cabem nas mãos – 4,3,2,1

    Olá. Prometo que despacho a análise intelectual que se espera de um “crítico” quando se aprecia uma obra de arte – que é o que este livro é e ponto final. Fonte: http://www.indielovers.es/regresa-el-mundo-literario-de-paul-auster-con-4321/ Vamos então a isto: Paul Auster, mais do que compreender o engenho da narrativa, a dinâmica intricada dos recursos estilísticos, ou mesmo a mecânica singular de conceber personagens impares, ele compreende sim a quase inaudível melodia da vida; e, embora não a partilhe em pauta, a música da linguagem invade os quartos de quem ousa abrir o livro e permite-se apenas escutar. Pronto. Está despachado. Agora vamos ao que realmente importa. Estupidamente incrível, meus senhores e minhas…

  • Media

    Peaky Blinders: um diamante escondido da Netflix

    Peaky Blinders já saiu em 2010, mas só recentemente é que começou a ter o reconhecimento merecido. Em 1919, na cidade de Birmingham, os Peaky Blinders vão tentar tornar o seu negócio de apostas em cavalos, que era ilegal, num negócio legítimo e que estivesse dentro da lei. No entanto, era de esperar que isso não fosse acontecer, por isso, a família Shelby vai fazer todos os possíveis para se tornar o mais poderosa, rica e influente possível. – Trailer da primeira temporada. Thomas Shelby é o líder desta família de gangsters, que viu na ilegalidade o único caminho possível para a ascensão social. A interpretação magnética é do irlandês…