• Literatura

    E viveram todos infelizes para sempre

    “E viveram todos infelizes para sempre” Ora aqui está uma frase que raramente lemos e que muito menos surge atrelada à capa de um livro.  O processo que envolve a escolha de um livro, independentemente da sinopse, contém uma grande dose de expetativa e, por muito sombrio que seja o género, uma esperança de que o protagonista chegue às últimas páginas feliz.  No entanto, finais tristes têm um poder de sedução capaz de nos manter acordados até tarde; por isso, no final do mês do amor, aqui vão 5 livros cujos finais não foram muito felizes. Na Praia de Chesil, de Ian McEwan Numa Inglaterra cheia de costumes e princípios,…

  • Moda e Lifestyle

    Massagens: melhor do que a palavra só mesmo o ato de as receber

    “Massagens”: uma palavra com o poder de nos provocar sensações tão relaxantes. Porém, não é mais do que o ato de as receber. Mas, se é tão relaxante e tão revitalizante, porque só procuramos fazê-las quando já estamos no extremo da necessidade? Muitos alegam que é por ser caro e outros que é por não sentirem necessidade. No entanto, Stefanny Cavalcante, auxiliar de fisioterapia e técnica de massagens há 1 ano, afirma que as massagens devem ser feitas com regularidade, pois “a partir do momento em que tu chegas à dor, é sinal de que há alguma coisa que não está bem. Portanto, se tu fizeres com regularidade, tu não…

  • Opinião

    Amor de fevereiro

    Cartas de amor são poesia,Como o meu amor por ti,Talvez um truque de feitiçariaQue eu não quero que chegue ao fim. Sinto-me preso num labirinto de felicidadeE não preciso da ajuda da razão,Porque se a saída encontrasse, de verdade,Continuaria preso a ti, Perdição! Olhar para ti é olhar para casa,Sentir segurança e proteção,Deitar-me num porto seguroE acordar nos braços da paixão. Contigo avanço lado a lado,Tudo é mais vivo e verdadeiro.É a ti a quem eu escrevo neste mês enamorado,Obrigado, meu mês de fevereiro! Em ti vejo futuro,Contigo eu vivo o presenteE, por mais que o caminho seja duro,Serás para sempre o meu lugar sorridente. Artigo revisto por Inês Pinto

  • Media

    Os Jogos Psicológicos de “Por Trás dos Seus Olhos”

    Por trás dos seus olhos (Behind Her Eyes) é a nova série que está a gerar um sucesso enorme na plataforma de streaming Netflix e, consequentemente, a dar que falar sobre o triângulo amoroso que se forma em torno desta produção. Conta como personagens principais uma mulher comum cujo nome é Louise e um casal infeliz: David e Adele. É uma adaptação da obra literária de Sarah Pinborough e talvez seja este um exemplo da problemática que existe em passar do papel para a filmagem, devido às sensações e pensamentos das personagens. Ainda por cima quando se trata de uma série que tem como base os jogos psicológicos. Porém, esta…

  • 7ª Arte

    A complexidade da vingança feminina em filme

    Com o filme Uma miúda com Potencial a dominar os Globos de Ouro, muitos têm previsto que esta gema de Emerald Fennel poderá ganhar muitas das categorias para que está nomeado. Enquanto alguém que viu e gostou, não consegui deixar de pensar em todos os filmes que abriram as portas para o seu sucesso e permitiram o aperfeiçoamento da fórmula do que é, na sua base, um conto de vingança feminina, um género que tem fama de ser complicado. A responsabilidade subentendida do género Quando pesquisei filmes de vingança feminina, encontrei algumas gemas, mas poucos mainstream que pudessem ser comparados ao objeto de análise. Porém, houve um que reparei que…

  • 7ª Arte

    “A Grande Escavação”: a prova de que a verdade prevalece

    Um filme sobre um marco histórico apaixonante, totalmente desprovido de paixão. A Grande Escavação está disponível na Netflix e foca uma descoberta verídica, enquanto, por si só, representa um marco histórico. Enquanto a Segunda Guerra Mundial representa um cenário cada vez mais próximo, uma viúva, Edith Pretty (Carey Mulligan), rica e de boas famílias recorre a um humilde escavador, Basil Brown (Ralph Fiennes), para investigar um palpite que há anos lhe tira o sono. A premissa é simples: A Mrs. Pretty quer saber o que esconde uma determinada elevação na sua propriedade, sendo essa mesma curiosidade o que a motivou a adquirir os terrenos. Recorre a Basil Brown para concretizar a tarefa…

  • Literatura

    Sófocles, Balsemão e Anthony Zuiker entram num bar

    No livro A Interpretação dos Sonhos, Sigmund Freud, o primeiro psicanalista de que há memória, escreveu: “O seu destino [de Édipo] move-nos apenas porque poderia ter sido o nosso – porque o oráculo lançou sobre nós a mesma maldição antes do nosso nascimento. É o destino de todos nós, talvez, direcionar nosso primeiro impulso sexual para a nossa mãe e nosso primeiro ódio e nosso primeiro desejo assassino contra nosso pai. Nossos sonhos nos convencem de que é assim.” Começo por aqui, porque, por muito bizarro que possa parecer, atualmente, Freud é mais famoso do que Sófocles, o autor da peça Rei Édipo, que reconstrói o mito helénico de Édipo,…

  • Opinião

    Aceitar as desigualdades e respeitar as diferenças

    Certas expressões exercem um apelo mais intenso à nossa reflexão: “exclusão social” é uma delas. A palavra “excluir” carrega consigo uma conotação negativa, uma vez que a associamos a injustiças, desigualdades, discriminações, a palavras que sensibilizam a nossa mente. E, a meu ver, devem continuar a impactar e a inquietar os seres humanos, pois estas palavras não são só meros conjuntos de letras, mas também problemáticas sociais que se fazem sentir por todo o mundo.  A exclusão social impulsiona um círculo vicioso de ruturas, de quebra de relações sociais, de privações, de sofrimentos. A pessoa excluída socialmente, embora formalmente seja cidadã, não tem as possibilidades de aceder aos seus direitos…

  • Opinião

    As notícias sobre a morte da crítica são manifestamente apropriadas

    Em novembro do ano passado, Jaime Lourenço, doutorado em Ciências da Comunicação no ISCTE com uma obra publicada sobre jornalismo cultural, ex-aluno da ESCS, foi o convidado para uma sessão no âmbito de uma cadeira que frequentava. Com foco particular no cinema, a palestra acabou por se encaminhar no sentido de um debate sobre a indústria cultural na sua relação com a imprensa. Uma vez que me encontrava perante um estudioso e especialista no assunto, questionei o orador acerca do estado da crítica de cinema na imprensa portuguesa. Fui mais longe. Como consumidor de crítica de arte nas plataformas ao dispor dos fãs, questionei se a superficialidade e parca qualidade…

  • Desporto

    THE MIZ É O NOVO CAMPEÃO DA WWE

    A WWE transmitiu este domingo mais um pay-per-view, o segundo do ano – o Elimination Chamber. Neste caminho para a WrestleMania, que realizar-se-á em abril, o evento decorreu no ThunderDome, em São Petersburgo, Flórida. O evento principal (main card) foi constituído por 6 combates, dos quais 2 envolveram a estipulação de elimination chamber – um pelo título principal do Raw, o outro por uma oportunidade ao título principal do SmackDown nessa mesma noite. Antecedendo o evento principal, foi anunciado que no kickoff iria haver um combate com 4 lutadores (fatal 4-way match) entre John Morrison, Ricochet, Elias e Mustafa Ali. O objetivo seria encontrar o substituto de Keith Lee para…