• Artes Visuais e Performativas

    Pé D’Orelha – Conversas entre Bordalo e Querubim

    Numa simples “casa portuguesa”, datada de 1913, escondida no meio de Lisboa, encontramos o Museu Bordalo Pinheiro. Neste museu podemos encontrar as mais emblemáticas obras do artista português, incluindo o Zé Povinho.  Na sala de exposições temporárias está montada a exposição “Pé D’ Orelha – Conversas entre Bordalo e Querubim”. A exposição conta com obras de Querubim Lapa, um artista que nunca esteve em contacto com Rafael Bordalo Pinheiro, mas que apresenta diversas influências nas suas obras. As obras dos artistas encontram-se misturadas, o que proporciona ao visitante uma sensação de semelhança entre os mesmos. A exposição está dividida em sete temáticas, começando nas heranças e terminando no erotismo, diversificando…

  • Artes Visuais e Performativas

    O museu da música mecânica

    Lisboa é, sem dúvida, um imenso poço cultural, onde todos os dias é possível visitar inúmeras exposições, teatros e ainda, passeando pelas ruas, disfrutar da beleza da arte urbana que rodeia a cidade. Contudo, vivemos uma situação única este ano, o que, para alguns, torna difícil a exploração pela cidade que tanto tem para oferecer. Por isso mesmo e porque a cultura está em todo o lado, a ESCS Magazine apresenta aos seus leitores um tesouro escondido para lá da ponte: o Museu da Música Mecânica – que é possível encontrar na zona do Pinhal Novo, no concelho de Palmela. Inaugurado a 4 de outubro de 2016, é um museu…

  • Artes Visuais e Performativas

    Chicago – A América dos Anos 20, em Portugal

    No Teatro da Trindade, em Lisboa, podemos fazer uma viagem temporal até Chicago dos anos 20, altura em que o Jazz começou a aparecer nos clubes noturnos. Nesta peça, conhecemos a história de Roxie Hart (protagonizada por Gabriela Barros), uma rapariga que aspira a ser cantora e que acaba por ficar detida na Prisão do Condado de Cook por ter matado o amante, e a de Velma Kelly (protagonizada por Soraia Tavares), uma conceituada cantora de Jazz que é presa por matar a irmã e o marido. Em conjunto com a “Mama” Morton e o extraordinário Billy Flynn, tentam sair do cárcere sem qualquer tipo de pena para voltarem ao…

  • Artes Visuais e Performativas

    Máscaras, animações e teatro – O Museu da Marioneta

    Dia 1 de novembro vai ser possível, no Museu da Marioneta, passar uma manhã assustadoramente divertida: o museu é conhecido pelas suas manhãs de oficinas criativas – na altura do Halloween, as criações serão aterradoras. As atividades são vocacionadas para os mais pequenos e para o convívio familiar, sendo que cada família terá acesso a uma mesa para a construção dos seus fantoches, cumprindo sempre as direções da DGS. Para além das suas famosas oficinas plásticas, o Museu da Marioneta tem uma exposição permanente, onde é possível conhecer marionetas de todos os pontos do globo, bem como de várias eras. A missão deste espaço é preservar todas as peças relacionadas…

  • Artes Visuais e Performativas

    A Exposição Invisível

    Até ao dia 10 de janeiro é possível visitar a “Exposição Invisível”, da curadoria de Delfim Sardo, na Culturgest, em Lisboa. Numa abordagem diferente daquelas que se consideram ser as comuns “artes visuais”, esta exposição não tem quadros, aliás, as paredes estão vazias. À entrada, cada visitante recebe uns fones que são o grande suporte da exposição. Existem seis salas e, em cada uma delas, uma nova experiência sonora, desde experiências musicais a relatos de histórias passadas que provam que o som, por vezes, é tão visível quanto um quadro. Aos domingos, tal como é habitual em várias exposições, a entrada é gratuita. Contudo, fica a nota: não vão muito…

  • Artes Visuais e Performativas,  Atualidade

    RTP Palco – A nova sala de espetáculos online

    Com as salas de espetáculos fechadas por todo o país, a cultura encontrou um novo lugar para se estabelecer. Através do digital, a RTP divulgou, no dia 29 de abril, a sua nova aposta: a RTP Placo. Esta plataforma online pretende não só promover as artes cénicas e performativas durante o período de isolamento, como também divulgar a cultura de forma acessível e gratuita. Este novo espaço digital, que já vinha a ser trabalhado há vários meses, surgiu no Dia Mundial da Dança (uma das artes performativas que estão em destaque neste serviço). O projeto é pioneiro na oferta de conteúdos artísticos por parte do serviço público, e tem como…

  • Artes Visuais e Performativas,  Uncategorized

    Vamos ao teatro, mas de pijama!

    De porta fechada e com a atividade suspensa, diversos teatros estão impedidos de realizar espetáculos devido à pandemia covid-19. Mas, nestes tempos de isolamento social, várias companhias têm disponibilizado ao público a oportunidade de acompanhar o seu trabalho através de plataformas online. De seguida, deixamos-te três sugestões de companhias internacionais que estão a disponibilizar estes serviços, para que possas viajar no conforto do teu sofá. Em primeiro lugar, falamos-te do Théâtre du Soleil. A companhia dirigida por Ariane Mnouchkine disponibilizou diversas criações artísticas ao público. Entre as encenações que podem ser encontradas estão “1789” e “Os náufragos do Louca Esperança”. Para além de peças de teatro, é ainda possível ver filmes e…

  • Artes Visuais e Performativas

    Merc’art Democr’art

    O conceito nasceu em 2016, pela mão de Alexandra Quadros e está sediado no LX Factory. Mas, atenção: mesmo quando não está em exposição, todas as suas obras estão disponíveis para consulta ou compra no site oficial: www.mercart.pt. Merc’art é o nome. Democr’art é o lema. E porquê? Por um lado, porque lutam pela democratização, e valorização, da arte nas gerações mais jovens, praticando uma política de 50/50 com os artistas. Por outro lado, porque a sua principal ideologia é tornar a arte mais acessível, para que que todos possam estar em contacto com a beleza e felicidade que dela advêm. Permite-se ainda um acesso privilegiado, não só a peças…

  • Artes Visuais e Performativas

    E se Lisboa fosse uma paleta de cores?

    Lisboa: uma cidade, várias cores e quase dez milhões de turistas por ano. Quem vem repara! Lisboa é famosa por muitas razões e as suas cores são uma delas. Pergunte a qualquer um: os tons amarelos ou azuis não passam ao lado. São o foco de muitas fotografias, quer de turistas, quer dos lisboetas que gostam de ser “instagrammers”. Realizámos um estudo no mês de outubro para perceber que cores é que se destacam. Eis os tópicos: – Idade; – Sexo; – Se Lisboa fosse uma cor, qual seria? – Porquê? – Local a visitar na cidade; – Conhece algum sítio onde exista arte urbana? Onde? Este estudo contou com…

  • Fonte: Andreia Simão
    Artes Visuais e Performativas

    A arte para além de uma moldura

    A exposição “Genius or Vandal – an unauthorized show” chegou a Portugal no dia 14 de junho à Cordoaria Nacional, em Lisboa, onde estará aberta ao público até 27 de Outubro. A exposição tem como “peça de entrada” uma montagem de fotografias que retratam o trabalho do artista, um pouco por todo o mundo. Mostra maioritariamente conteúdos a que facilmente se tem acesso online, o que deixa um pouco a desejar nesta primeira fase. Porém, está longe de terminar por aí. É por entre corredores e salas forradas com pano escuro que se vão revelando murais, cenários teatrais, fotografias emolduradas e até a passagem de um filme em grande plano onde…