Os piores casais de séries de comédia

Existem casais que simplesmente não funcionam. Seja por simplesmente serem aborrecidos, por não terem química ou até mesmo porque os sentimentos de outras relações não foram devidamente ultrapassados. A verdade é que não funcionam.  Isto acontece tanto na vida real, como nas séries. Todos nós já vimos uma série e começámos a pensar que aquelas personagens não tinham química ou não faziam sentido estarem juntas.

As séries de comédia são um ótimo exemplo disto! Nota-se muitas vezes algum esforço por parte dos escritores para que determinada relação funcione.  Para além disso, muitos espectadores acabariam inconscientemente por torcer pelo mesmo.

Os casais presentes nesta lista não são muito consensuais, mas são, sem dúvida, personagens que acho que não fazem sentido enquanto casal.

  1. Penny e Leonard
Casal1.jpg
Foto: Comic Book

Este casal é talvez o mais polémico desta lista e, por isso, coloco-o em primeiro lugar.

Leonard, um cientista e investigador brilhante, conhece Penny, uma empregada de limpeza que aspira a uma carreira de atriz, quando esta se muda para o seu prédio e deseja-a desde aí. Amor à primeira vista? Não foi bem assim.

De início, Penny sempre o viu apenas enquanto amigo e nunca nada para além disto. Só depois de vários desgostos amorosos é que Leonard parece ser verdadeiramente uma possibilidade de namoro. A partir deste momento (aliás, desde a primeira vez em que os dois se relacionaram), foram tantos os altos e os baixos que se perde a conta. Ao todo foram cerca de 4 ou 5 vezes que terminaram a relação e reataram, sem esquecer os 3 pedidos de casamento pelo meio.

Mas porque é que estão nesta lista? Não é verdade que todas as relações ultrapassam dificuldades? Sim, é. No entanto, não é esse o caso. Os dois simplesmente não funcionam, visto que vêm de mundos completamente opostos: de um lado, um cientista e, do outro, uma empregada de mesa que aspira a uma carreira de atriz.

Admito que já me começo a habituar mais a este casal, sobretudo nas últimas temporadas. Tenho, porém, um pressentimento de que não irão acabar juntos no final da série (a 12ª e última temporada está atualmente a decorrer).

  1. Ted e Robin
Casal2.jpg

Fonte: New In Town

Tudo começou com um olhar num bar em Nova Iorque no qual Ted, um arquiteto, diz ao seu amigo Barney que, um dia, vai casar com a rapariga que vê nesse mesmo bar.

Ted e Robin, Robin e Ted, Scherbatsky e Mosby e Mosby e Scherbatsky. Esta relação foi uma montanha russa de emoções ao longo das 9 temporadas de How I Met Your Mother. Creio que este casal será o mais consensual desta lista e passo a explicar o porquê: sempre soubemos desde o início que os dois não estavam destinados a ficar juntos e que Robin nunca seria a mãe dos filhos de Ted. Mesmo assim, os criadores da série tornaram sempre bastante visível que era neste casal que a série se baseava.

Mas porque é que não funcionam? Robin e Ted têm ideias completamente opostas sobre a vida. Ela não tem o desejo de criar família e prefere apostar na sua carreira de jornalista. Já Ted deseja um dia assentar e criar a sua própria família. Logo aqui, poderíamos ver que os dois juntos não funcionariam. Ainda assim, os criadores da série arranjam maneira de os juntar várias vezes, mesmo depois de o casal ter namorado durante 1 ano e de se ter apercebido de que tinham perspetivas distintas em relação ao futuro.

Sempre imaginei que a Robin iria acabar feliz com o progresso da sua carreira e que não via necessidade em estar numa relação para ser inteiramente feliz. No entanto, toda a história que envolveu a sua relação com Barney fez-me mudar de ideias, visto que era nesta relação onde ela parecia realmente feliz.

Por fim, considero que depois de Tracy, mulher de Ted, ter falecido e, este ter voltado para Robin, foi como todas as outras histórias clichés em que as pessoas que parecem ter seguido em frente, voltam sempre uma para o outra. Simplesmente não fez sentido e foi um final muito injusto para uma das melhores séries de comédia.

3- Rachel e Joey 

Casal4.jpeg

Fonte: The Hollywood Reporter

Coloco este casal em terceiro e último lugar nesta lista porque durou tão pouco tempo na série que não chega a ser suficientemente importante.

Até à temporada 8 de Friends, nunca vimos uma interação entre Rachel e Joey que fosse para além da mera amizade. Até que Rachel se muda para o apartamento de Joey e aí ele começa a perceber que pode ter sentimentos por ela que vão para além da amizade. Finalmente, decide contar-lhe, mas Rachel rejeita-o suavemente, visto que não sente o mesmo. Para além disto, está grávida da filha de Ross. Parecia que seria o final desta história de amor que, na verdade, não chegou a começar.

Aconteceram, no entanto, outros acontecimentos. Sem querer, Joey pediu Rachel em casamento no hospital, no qual esta acabara de dar à luz. Para além disto, também tivera uma breve relação no início da temporada 10, depois de uma confusão que também envolvia Ross e Charlie.

O casal encontra-se nesta lista, sobretudo, porque, depois de toda a história de Ross e Rachel, os espectadores queriam um final feliz para os dois e não um triângulo amoroso como acabou por acontecer.

Revisto por Maria Constança Castanheira

Artigos recentes

The (not so) Good Place

Estás à procura de uma série curta e divertida para fazer binge-watching durante a quarentena? The Good Place pode ser a melhor opção. Esta série

Ler mais »

SNS e o suicídio

Não saber que o Sistema Nacional de Saúde é lento é como não saber que data é 1143: é sinal de que não se é

Ler mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *