Dunkirk: A obra-prima de Christopher Nolan

Este não é mais um filme de guerra. Christopher Nolan provou, mais uma vez, ser um dos melhores realizadores de Hollywood.

Em plena Segunda Guerra Mundial, belgas, franceses e ingleses estão rodeados pelo exército alemão na praia da região de Dunquerque. A sua única hipótese de sobrevivência são os cidadãos, que, com os seus barcos pessoais, conseguiriam salvar os soldados.

De filmes surpreendentes sobre super-heróis, como O Cavaleiro das Trevas, a labirínticos enredos do espaço, como Interstellar, Christopher Nolan traz com este filme uma história de guerra não convencional.

Não importa o background das personagens, apenas o aqui e o agora. O filme não segue a típica linha narrativa à qual estamos habituados; em vez disso, mergulhamos logo para o cenário de guerra sem qualquer tipo de introdução ou contexto. Christopher Nolan decide mostrar o panorama por várias perspetivas: no mar, na terra e no ar, que, quando chegamos ao desfecho do filme, se cruzam de uma forma inesperada. O intercalar destes diferentes cenários confere um realismo total, pois os eventos tomam lugar simultaneamente.

Sem romantismos, o guião expressa o universo doloroso e cru da guerra. Através dos movimentos rápidos das câmaras, das paisagens desertas e das cenas de ação empolgantes e bem coordenadas, é percetível a meticulosa pesquisa feita para a exatidão total com os eventos verídicos. Com isto, fãs fizeram vários vídeos de comparação com os arquivos verdadeiros da história

O filme foi aclamado pela crítica, ainda que com algum receio. Quando o jovem músico Harry Styles, membro dos One Direction, anunciou que iria participar no filme de Christopher Nolan, muitos consideraram que o mesmo não estava preparado para o trabalho. No entanto, Harry Styles surpreendeu o mundo com a sua atuação e o desenvolvimento da sua personagem, sendo comparado por muitos a Heath Ledger, que atuou como Joker no filme O Cavaleiro das Trevas.

Dunkirk é uma das longas metragens na corrida para os Óscares, que pode possivelmente ser nomeado para as categorias “Melhor Filme” e “Melhor Realizador”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *