Atualidade,  Informação

Adeus, Cohen

O icónico músico canadiano morreu aos 82 anos. A notícia foi divulgada na manhã de sexta-feira dia 11 de novembro pela Sony Music Canada.

A morte do extremamente influente cantor e compositor Leonard Cohen foi anunciada na sua página oficial de Facebook na madrugada de sexta-feira. “É com um profundo pesar que comunicamos que o lendário poeta, compositor e artista Leonard Cohen faleceu”, podemos ler na página do músico. O funeral, porém, já havia ocorrido no dia anterior, tendo sido sepultado no cemitério judaico Shaar Hashomayim.

captura-de-ecra-2016-11-14-as-14-12-19

Dezenas de fãs juntaram-se logo de madrugada em frente à porta de sua casa em Montreal, no Canadá, de modo a lhe prestarem uma última homenagem. Ecoaram músicas de Cohen, foram acesas velas e deixados ramos de flores.

O primeiro ministro do Canadá expressou também a sua tristeza pela morte do ícone canadiano. “A música de Leonard Cohen era única, e, no entanto, passou várias gerações. O Canadá e o mundo choram a sua partida”, escreveu Justin Trudeau na rede social Twitter.

[cycloneslider id=”101711″]

Com uma carreira de quase 50 anos, o cantor da famosa balada “Hallelujah” já se encontrava em mau estado de saúde e havia afirmado que estava pronto para morrer. “O meu pai morreu pacificamente em casa em Los Angeles”, revelou o filho do músico à revista Rolling Stone. A causa de morte ainda não foi, porém, confirmada.

Para além da sua inigualável carreira de músico, Leonard Cohen foi também um grande compositor e poeta. No passado dia 21 de outubro, editou aquele que seria o seu 14º e último álbum de estúdio, You Want it Darker, no qual refletia sobre a sua mortalidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *