• Artes Visuais e Performativas

    Poster Mostra – pelas ruas de Marvila

    Portugal parece estar a encher-se de iniciativas artísticas, parece que a cultura começou a importar, de alguma forma, e se tornou passível de ser gratuita, acessível às massas. Ainda está por determinar se fazer de Portugal uma referência no que toca a street art é algo “para inglês ver” ou se algures dentro do ministério da cultura borbulhou um desejo de dinamizar a esfera artística portuguesa e de tornar as formas de expressão cultural em algo não apenas aberto a membros da classe média alta.  Independentemente do que as motiva, as iniciativas são boas e há em todo o lado, espalhadas pelas zonas metropolitanas. O que nem sempre quer dizer…

  • Artes Visuais e Performativas

    Agenda Cultural de outubro – Marvila: uma ode ao bom e ao barato

    [wpupg-grid]Chegou outubro. A carteira aperta. O atum começa a encher as prateleiras, e salta delas quando acaba a comida que a mãe empacotou no fim-de-semana em que fomos a casa. Regressam os antigos, juntam-se os novos. As costas acomodam-se no banco de jardim, quando temos tempo entre as aulas, quando faltamos às aulas. A cabeça enche-se de preocupações, de textos escritos à pressa no seminário em que o professor fala demais e diz de menos. Precisamos de escapar. Quem não precisa de escapar de vez em quando? De ver arte, de ler. A arte de olhar profundamente nos olhos de um desconhecido numa festa académica, de lhe beber os labios é,…

  • Artes Visuais e Performativas

    Museu Van Gogh – a alma impetuosa da cidade de Amesterdão

    É em plena Praça Dos Museus (Museumplein), em Amesterdão, que podemos encontrar um espaço dedicado a um dos mais aclamados artistas de todos os tempos: o Museu Van Gogh. Este espaço foi o eleito pelo sobrinho do artista Vicent Van Gogh, Vicent Willem Van Gogh, para expor as obras do tio e partilhar com o mundo o legado e a vida do mesmo. No edifício de três andares, todos dedicados à vida do artista holandês, podem encontrar-se relatos tanto da vida pessoal do artista como dos seus estudos artísticos. Passemos, então, antes de mais nada às apresentações (mais ou menos) formais. Vicent Van Gogh nasceu em Zundert, Holanda, a 30…

  • Música

    Dear Telephone no Music Box

    Faltavam dez minutos para o início do concerto dos Dear Telephone, banda de rock experimental formada em Barcelos em 2010, e o número de espetadores contava-se pelas mãos, talvez porque o preço não fosse apelativo para o concerto de uma banda ainda recente e pouco conhecida ou talvez porque a divulgação do evento não tenha sido suficiente. Fica a incógnita. O ambiente escuro do espaço de música em Lisboa enchia-se de pouca expectativa para o concerto da banda que duraria pouco mais de uma hora e no qual se apresentaria o novo álbum da banda, Cut, e se tocariam algumas músicas do anterior. Após alguns minutos de atraso começou um…

  • Música

    Liam Gallager – o ex-Oasis volta a dar que falar

    Liam Gallagher, o eterno ex-vocalista da banda de brit-pop Oasis, lançou o primeiro álbum a solo, As You Were, a 6 de outubro de 2017. O disco em vinil é já o mais vendido do ano. Este novo álbum veio como uma espécie de consolo para os órfãos da banda, apesar de Noel, o outro Gallagher a constituir os Oasis, já ter lançado trabalhos desde a separação da banda. Isto veio satisfazer muitos fãs saudosistas, mas nota-se bem a falta de Noel: as letras ainda são muito básicas assim como a musicalidade – Bold, por exemplo, apesar de não ser um mau êxito, precisava de uma mãozinha do irmão, Noel,…

  • Artes Visuais e Performativas

    Agenda Cultural – Novembro

    A capital continua a ter muito que oferecer em termos de artes visuais: desde pintura a escultura, desde a dança ao teatro. Comecemos por falar sobre o que uma das artes mais antigas tem para nos oferecer neste mês de São Martinho: o teatro. Temos algumas peças em destaque: Clássicos em Cena é uma delas ― uma peça que visa a leitura interpretativa de textos clássicos da literatura portuguesa, como o Auto da Natural Invenção, de António Ribeiro Chiado e o Auto dos Sátiros, de autor anónimo. Clássicos em Cena estará disponível na livraria Sá da Costa, de 25 de novembro a 2 de dezembro. Outra das peças a ter…

  • Artes Visuais e Performativas

    A cultura em Lisboa não para

    É sabido que a capital portuguesa é o local indicado para que a cultura nos entre nas veias de uma forma que não acontece em mais nenhum lado do território nacional. O mês de setembro não foi exceção à regra: quer a nível de teatro, de exposições ou até mesmo de dança, a principal cidade portuguesa não parou. A dança chegou, no nono mês do ano, sob a forma de aulas, a diversos jardins da cidade alfacinha: aos sábados, passou pelo Parque Eduardo VII, Parque da Bela Vista Norte e pela Ponte pedonal e ciclável entre as Olaias e o Parque da Bela Vista Sul (deck de madeira); aos domingos,…

  • Música

    Os Tribalistas – esperar vale a pena

    Os tribalistas, grupo que fez a muitos dos pequenos da geração de 2000 as delícias da “Velha Infância”, estão de regresso com o segundo álbum homónimo. A união de Carlinhos Brown, Arnaldo Antunes e Marisa Monte, três dos mais badalados nomes da música popular Brasileira, deu-se, pela primeira vez, em 2002 e no mesmo ano surgiu o primeiro álbum de estúdio de seu nome: Tribalistas. A banda não produziu durante 15 anos mas, nem por isso, hinos como “Velha Infância” e “Já sei namorar” deixaram de ser entoados pelo povo de língua lusófona. A nova música fez-se demorar mas finalmente chegou, e os artistas aproveitaram a sua arte não apenas…

  • Artes Visuais e Performativas

    Aguarelas no Palácio

    O Palácio Nacional de Mafra celebra, no corrente ano, 300 anos de existência e, em forma de celebração, recebe o trabalho de Paulo Ossião. O Palácio Nacional de Mafra festeja o seu tricentenário e recebe as aguarelas do artista Paulo Ossião, que se encontram lado a lado com as peças permanentemente em exposição. As peças em exposição resultam essencialmente de um trabalho introspetivo: o artista, cuja carreira foi impulsionada pelo amor que a propópria mãe nutria pela pintura, tratou de desmontar as várias componentes do monumento barroco e de as pintar, em aguarela, segundo o significado e dimensão que para ele representam. A disposição das telas promove, segundo Mário Pereira,…

  • Música

    Arcade Fire – os gigantes canadianos voltam às luzes da ribalta

    Após quatro anos desde o último álbum de Estúdio, Reflektor, os Arcade Fire, conceituada banda canadiana de Indie Rock, estão de volta à ribalta com o lançamento de quatro novos singles: I Give You Power, Everything Now (música homónima do álbum vindouro), Creature Comfort e, mais recentemente, Signs Of Life. Os quatro singles prometem um som inovador, um pouco diferente do que a banda tem vindo a fazer desde 2004, o ano da sua formação e do lançamento do primeiro álbum, Funeral. Apesar de a forte influência de trabalhos musicais de David Bowie (nos anos 80) se encontrar ainda latente, os singles demonstram uma tendência cada vez mais eletrónica: a…