Atualidade

Explosão de material pirotécnico em Penacova faz 24 feridos e uma vítima mortal

Mais de uma centena de pessoas estavam no local. Entre os feridos estão cinco crianças.

Uma explosão de pirotecnia fez pelo menos um morto e 24 feridos – dois dos quais em estado crítico, em Gondelim, Penacova.

Carlos Tavares, comandante operacional distrital de Coimbra, explicou, em declarações aos jornalistas, que a explosão decorreu no recinto de festas, momentos antes da saída das pessoas da capela para a procissão.

“Lamentamos um morto e 24 feridos. Duas pessoas em estado crítico, três feridos graves e 19 ligeiros. De entre estas, há cinco crianças, transportadas para o hospital pediátrico de Coimbra”, acrescentou.

Ao que tudo aponta, segundo Carlos Tavares, “algo terá corrido mal” no manuseamento dos artigos pirotécnicos. Mas a PSP e a PJ ainda estão a averiguar a situação.

De acordo com a médica Paula Neto, da Delegação Regional do Centro do INEM, as pessoas feridas com gravidade apresentam “queimaduras e situações de trauma grave, provavelmente por causa da explosão e do impacto”.

A vítima mortal terá “entre os 20 e os 30 anos” e as crianças que estão entre os feridos ligeiros têm entre “os 5 os 16 anos” de idade, acrescentou.

Os principais estragos registam-se na capela, assim como em algumas habitações em redor do recinto de festas.

O alerta foi recebido pelo INEM às 12h29. Tendo sido acionados três helicópteros para o local, duas viaturas médicas, duas ambulâncias de suporte imediato de vida, 14 ambulâncias de socorro e duas unidades móveis de intervenção psicológica em emergência. Mais de uma centena de pessoas assistiam aos festejos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *