Atualidade,  Informação

Lavagens de dinheiro da máfia russa tornam presidente da SAD do União de Leiria arguido

Captura de ecrã 2016-05-4, às 02.40.37

Estão a decorrer buscas nas SAD do Sporting, Benfica e Sporting Braga por haver suspeitas de negócios realizados com a SAD do União de Leiria. Em causa está a lavagem de milhões de euros pela máfia russa, tendo o presidente da SAD do União de Leiria, Alexander Tolstikov, sido constituído arguido.

A “Operação Matrioska”, que começou no início do ano passado, tem como objeto “a presumível prática de crimes de branqueamento, fraude fiscal, falsificação de documentos e associação criminosa por parte de cidadãos nacionais e estrangeiros, correlacionados com a atividade desportiva”, segundo consta num comunicado da PJ.

O alvo de investigação é a empresa do grupo russo D-Sports, DS Investment LLP, estando os empresários a ser investigados por suspeita de lavagem de milhões de euros da máfia russa em Portugal, sob a fachada dos negócios do futebol.

As suspeitas recaem no baixo volume de receitas, que contrasta com o grande investimento daquela SAD. Ao que consta, o dinheiro era investido no futebol, mas voltava a sair e de forma legal. Também a contratação de alguns jogadores russos terá servido para lavagem de dinheiro, apesar de essa não ser a forma principal de atuação.

No âmbito desta operação, já foram realizadas 22 buscas nas três regiões abrangidas (Leiria, Lisboa e Braga) domiciliárias e não domiciliárias que permitiram apreender provas que, por sua vez, permitiram constituir 6 arguidos. Entre eles encontra-se o presidente da SAD do União de Leiria, o empresário russo Alexander Tolstikov.

As buscas realizadas nas SAD do Benfica, Sporting e Sporting Braga vão ao encontro de uma investigação ligada a negócios realizados por estas com a SAD do União de Leiria, envolvendo jogadores de futebol. No entanto, à exceção do União de Leiria, nenhum desses clubes é neste momento alvo de investigação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *