Present: You & Me, um presente com um leve toque de espírito natalício

“Present: You & Me”, o último álbum do grupo de K-Pop Got7, lançado a 03 de dezembro, surge como um repackage do álbum “Present: You”. Neste álbum, estão incluídos duetos e triplas inéditos, capazes de surpreender os seus habituais ouvintes.  

Got7, o grupo do género musical K-Pop, formado em 2014 pela companhia JYP Entertainment (considerada na Coreia do Sul como uma das Big 3, juntamente com a SM Entertainment e YG Entertainment, por serem as três companhias sul coreanas com mais reconhecimento), é composto por JB, Mark, Jackson, Jinyoung, Youngjae, Bambam e Yugyeom.

Foram nomeados nos Teen Choice Awards de 2018 para o prémio de Choice International Artist e ganharam, em 2016, o prémio de Best Worldwide Act (Korea) nos MTV Europe Music Awards e, em 2018, os prémios de Artist of the Year e Best Popular Award nos Asia Artist Awards.

Depois de lançarem o álbum “Present: You”, em setembro, decidiram apresentar um repackage intitulado de “Present: You & Me”, título que se adequa à época natalícia e que se assemelha ao tema do single oficial do álbum, “Miracle”.

Para além de ouvirmos uma melodia que remete para a quadra que se aproxima de uma forma discreta, ouvimos também as vozes dos integrantes, acompanhadas do som de um piano, onde cantam sobre alguém que, depois de se sentirem sozinhos e desmotivados, surgiu na sua vida como um milagre e fez com que se sentissem amados.

São também de destacar: “Lullaby”, o single oficial do álbum “Present: You”, com versões em inglês, mandarim e espanhol; “I Am Me”, uma das favoritas dos fãs, que refere a importância de nos aceitarmos a nós próprios, aos nossos defeitos e aos erros que cometemos; e as canções a solo de cada um dos integrantes, que representam o seu estilo musical pessoal: “Sunrise”, “OMW”, “Made It”, “My Youth”, “Nobody Knows”, “Party” e “Fine”.

Visto não terem sido apresentadas datas para uma futura tour, ainda é desconhecido se irão pisar solo português pela primeira vez em 2019.

Artigo corrigido por Catarina Santos

Artigos recentes

The (not so) Good Place

Estás à procura de uma série curta e divertida para fazer binge-watching durante a quarentena? The Good Place pode ser a melhor opção. Esta série

Ler mais »

SNS e o suicídio

Não saber que o Sistema Nacional de Saúde é lento é como não saber que data é 1143: é sinal de que não se é

Ler mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *