• 7ª Arte

    Manoel de Oliveira: O Adeus ao Mestre

    “O meu público é aquele que vai ver os meus filmes. O Cinema dá-nos a visão da Vida. E a Vida é um Mistério” Manoel de Oliveira O Cinema Português perdeu o seu grande realizador. Manoel de Oliveira faleceu aos 106 anos. Era o realizador em actividade mais velho do mundo e o único que assistiu às passagens do Cinema mudo ao sonoro e de a preto-e-branco ao colorido. Em 1982, o realizador rodou “Vista ou Memórias e Confissões”, um filme com texto de Agustina Bessa-Luís, que o próprio quis que fosse exibido publicamente apenas após a sua morte. O filme deverá ser exibido no final de Abril ou início…