• Atualidade,  Informação

    PMDB “joga fora” a coligação brasileira. Posição de Dilma (mais) fragilizada

    Foi na passada terça-feira, 29 de março, que o Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) rompeu com o Partido dos Trabalhadores (PT), de Dilma Roussef. A posição da “presidenta” brasileira é cada vez mais frágil. A decisão foi tomada na reunião da direção nacional do PMDB, que decorreu em Brasília. No início do mês o partido tinha já demonstrado vontade em abandonar o governo brasileiro, mas só agora é que a decisão foi tomada. Num ambiente de entusiasmo, expressões como “Fora PT” foram ouvidas, acompanhadas de aplausos e gritos de euforia. O fim da coligação e o corte com o PT constituem mais um passo na possível destituição da atual…