• Desporto

    Os dados ditaram um vencedor: Márquez

    Quem é adepto motociclismo sabe que ao ver qualquer corrida a emoção é sempre garantida. Mais uma vez a categoria rainha do motociclismo não desiludiu. Até à última jornada, o Grande Prémio de Valência, o campeonato foi discutido entre o suspeito do costume, o espanhol, Marc Márquez, e o outsider italiano, Andrea Dovizioso. Pela primeira vez, desde os tempos da Ducati de Casey Stoner, que o fabricante italiano não estava tão próximo de ganhar um título de pilotos. Seis vitórias para cada um dos pilotos, doze pódios para Márquez e oito para Dovizioso- foram estas as estatísticas finais que deram o tetracampeonato a Márquez. Mas o campeonato não começou da…