• 7ª Arte

    O “terror” está na moda

    Desde muito jovem que comecei a desenvolver um gosto por filmes de terror. Cresci vendo esse tipo de filmes. Aliás, terror e animação eram quase os únicos géneros a que assistia. Contraditório, eu sei. E a verdade é que, ainda hoje, apesar de já ser muito mais aberto a outras opções, esses dois géneros continuam a ser sempre a minha primeira escolha. Gosto de ser assustado, gosto daquela adrenalina e daquele sentimento de suspense a cada passo que a personagem dá, enquanto caminha para uma misteriosa e barulhenta porta. E, da mesma forma como não fico três dias seguidos a rir por causa de uma comédia que tinha visto, também…