7 Dave Grohl(s) e um 1 estúdio

O líder da mítica banda “Foo Fighters” desafiou-se mais uma vez ao fazer um instrumental de 23 minutos, onde toca diversos instrumentos.

 

 

O vídeo começa com um pequeno documentário sobre a relação amorosa e conflituosa entre um músico e um instrumento. Divertido e carismático como sempre, Dave Grohl veste o papel de entrevistador e fala com jovens músicos, que estão a aprender a tocar o seu instrumento de eleição. A introdução explica como a música está no centro da vida destes miúdos e como eles conjugam a sua paixão com as suas obrigações escolares. Muitas vezes, estes jovens estão na escola a tentar decorar um acorde da guitarra ou do piano, batendo com os dedos na mesa.

 

Numa narrativa pessoal, o guitarrista revê-se na história dos pequenos artistas: conta o sucesso, o fracasso e os solavancos de uma carreira na música. O vídeo mostra ainda a viagem da gravação do instrumental, as falhas e os retakes, a frustração e o perfecionismo.

 

O momento de antecipação chega e o instrumental começa. O ambiente na sala é escuro, o que, conjugado com o vídeo a preto e branco, cria uma sensação de nostalgia. A fantástica edição permite ver todos os Dave Grohls na sala. A música começa com uma melodia ritmada rock, que se assemelha ao som dos Foo Fighters, não dispensando a guitarra e bateria.

 

De seguida, existe uma evolução para uma melodia mais calma, ainda com a guitarra elétrica, xilofone e baixo. Os momentos mais altos e baixos da música são intercalados com uma pandeireta e outros instrumentos que o próprio Dave disse serem fora da zona de conforto.

 

O inesperado deste instrumental é uma secção com guitarra acústica, fiada ainda na bateria e no baixo, com um som de blues que segue quase para uma guitarra de rock clássico, acabando com um crescendo de cortar a respiração.

 

Esta música, mais do que outras, conta uma história de altos e baixos com momentos calmos e de tensão que nos tiram o ar. Só Dave Grohl sabe contar esta história. Vê por ti mesmo:

 

Artigos recentes

Dicionário web-summitês-português

            A páginas tantas do Livro de Desassossego, Fernando Pessoa – ou Bernardo Soares, como preferirem – escreve, a respeito a língua portuguesa, a afirmação

Ler mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *