• Opinião

    A 4 Mãos: Cobertura jornalística? Só quando convém!

    Uma rubrica de Opinião escrita a quatro mãos por Maria Moreira Rato e Marcos Melo Maria Moreira Rato (MMR): Na semana passada, Portugal viveu dois atentados à liberdade de imprensa. O primeiro na política e o segundo no desporto. Creio que não é muito difícil adivinhar a proveniência deste desrespeito pela comunicação e, sobretudo, pelos jornalistas: o 37.º Congresso do…

  • Opinião

    A 4 Mãos: Palavra-chave: reformar

    Uma rubrica de Opinião escrita a quatro mãos por Maria Moreira Rato e Marcos Melo Marcos Melo (MM): A OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico) apresentou, há dias, as conclusões de um estudo, encomendado pelo Governo, que se debruçou sobre o estado da arte do Ensino Superior e da Ciência portugueses. É de sublinhar que a última avaliação…

  • Opinião

    A 4 Mãos: Liberdade de importunar!?

    Uma rubrica de Opinião escrita a quatro mãos por Maria Moreira Rato e Marcos Melo Maria Moreira Rato (MMR): Nos últimos dias, ouve-se falar na famosa “carta da atriz Catherine Deneuve”. Antes de mais, há algo que tem de ser esclarecido: a carta foi assinada por outras 99 personalidades, como a escritora Catherine Millet ou a cineasta Brigitte Sy. Posto…

  • Opinião

    A 4 Mãos: O que fica de 2017?

        Marcos Melo (MM): 2017 está a dar as últimas. 2018 esgueira-se, ao virar da esquina. Foram doze meses recheados de acontecimentos — uns mais mediáticos e outros mais discretos. Nestas lides dos media, é um habitué fazer-se a revista do ano. Por razões compreensíveis, todos os órgãos de comunicação social debruçam-se sobre os mesmos assuntos — e, provavelmente,…

  • Opinião

    A 4 Mãos: Vamos de táxi ou Uber?

     Maria Moreira Rato (MMR): Quem é que ainda não ouviu falar da Uber? Com o slogan “O seu motorista particular”, designa-se como uma empresa que oferece uma alternativa “ao táxi tradicional”.  Antes de mais, devemos tentar entender se é uma plataforma eletrónica que promove o deslocamento das pessoas ou se é uma empresa de transportes. À Visão, em outubro de…

  • Opinião

    A 4 Mãos: Enquanto a torneira não se fechar, ‘tá-se bem

    Marcos Melo (MM): Portugal está em seca e a água escasseia. O cenário é dramático. Segundo dados do IPMA de 15 de novembro, 6% do território continental encontra-se em seca severa e 94% em seca extrema. A falta de chuva resulta em falta de água, uma realidade inquietante que, nas palavras do presidente da Câmara Municipal de Mértola, se traduz…

  • Opinião

    A 4 Mãos: Barrigas alugam-se

      Maria Moreira Rato (MMR): Esta semana, as barrigas de aluguer estão a dar que falar. Aquele que é conhecido por ser um acordo entre uma mulher que aceita engravidar para dar à luz um bebé que pode ou não ser seu filho biológico, mas que não será criado por si, ainda não tinha visto a luz do dia em…

  • Opinião,  Sem Categoria

    A 4 Mãos: Carrilho versus Bárbara – o legitimar da violência doméstica?

    Marcos Melo (MM): Manuel Maria Carrilho, antigo Ministro da Cultura nos XIII e XIV Governos Constitucionais, ambos encabeçados por António Guterres, foi condenado a uma pena de prisão de quatro anos e meio pelos crimes cometidos contra a ex-mulher, Bárbara Guimarães, apresentadora de televisão. Violência doméstica, ameaças, ofensas à integridade física, injúrias e denúncia caluniosa foram os crimes julgados em…

  • Opinião

    A 4 Mãos: Adultério no casamento ou na justiça?

      Maria Moreira Rato (MMR): “O adultério de uma mulher é um gravíssimo atentado à honra e dignidade de um homem.” — acreditas que esta frase consta num acórdão do Tribunal da Relação do Porto?   Marcos Melo (MM): O caso é insólito. O que, à partida, parece uma piada de mau gosto (não vivêssemos nós na era das fake…

  • Opinião

    A pedagogia dos anónimos

    A guerra está declarada. O campo de batalha são as redes sociais. Um frente-a-frente: de um lado, os jornalistas; do outro, os anónimos por detrás de páginas de denúncia. Acusações e escrutínio são as armas de arremesso. Nos últimos tempos, temos assistido ao surgimento de páginas cuja missão passa por desconstruir e analisar as publicações dos media portugueses. A página…