Atualidade,  Informação

Campeonato ao rubro em semana de Clássico

Benfica alcançou o Sporting na liderança e recebe o Porto na sexta. Há 11 anos que não havia liderança partilhada à 21.ª jornada. Porto segue a seis pontos dos líderes e com contestações a Maicon. José Peseiro quer “vencer o Benfica e ficar a três pontos”.

O Benfica ganhou na última sexta-feira ao Belenenses por 0-5 e aproveitou o empate do Sporting, domingo, em casa frente ao Rio Ave para se chegar à frente no campeonato, numa liderança partilhada com os leões.

Há 11 anos que tal não acontecia: a liderança estar partilhada à 21.ª jornada. Na altura, na época 2004/2005, Benfica, Sporting, Porto e Boavista encontravam-se no primeiro lugar, com 38 pontos. O Benfica de Giovanni Trapattoni acabou por se sagrar campeão, num campeonato que ficou marcado pelo dérbi Benfica-Sporting na penúltima jornada, jogo que os encarnados venceram por 1-0 e que ajudou na decisão do título.

Agora, na época 2015/2016, Benfica e Sporting estão de novo empatados no primeiro lugar e o Porto segue a seis pontos dos líderes. Na sexta há clássico na Luz, um jogo que pode recolocar o Porto na luta pelo título, em caso de vitória, ou afastar quase que definitivamente a equipa de José Peseiro da corrida à conquista do campeonato, em caso de derrota.

Na antevisão ao jogo, o treinador dos dragões disse querer vencer para reduzir a distância pontual em relação ao Benfica. Debaixo de fogo continua Maicon, que saiu de campo no jogo com o Arouca depois do erro cometido, que resultou no segundo golo da equipa arouquense e que levou à derrota do Porto. José Peseiro disse que não há polémica e que conta com o jogador.

O árbitro nomeado para o jogo é Artur Soares Dias, da Associação de Futebol do Porto, e que já arbitrou o duelo da primeira volta entre as duas equipas, jogo que os dragões venceram por 1-0, com golo de André André.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *