Netflix ou Amazon Prime Video: Qual a melhor opção de streaming?

Resultado de imagem para streaming
Foto: TechHive

Estamos em 2019 e a televisão volta a assumir um papel e uma relevância no quotidiano da sociedade, que até então só se tinha verificado naquela que foi considerada por muitos “A Era Dourada da Televisão”, nos anos 50.

Cada vez mais, consumir um produto televisivo não é algo exclusivo da televisão. O desenvolvimento da tecnologia permite que o conteúdo seja gravado, visualizado em stream, comprado ou até pirateado em qualquer lugar no mundo.

A internet não acabou com a televisão. Aliás, transformou este meio numa plataforma multimédia que se adapta às necessidades de cada um dos seus utilizadores e aos seus gostos e preferências. Hoje, é possível começar a ver uma série na televisão e continuar a acompanhá-la através do telemóvel seja nos transportes públicos, a caminho do trabalho ou da escola.

As grandes plataformas de streaming como a Netflix, Hulu ou Amazon Prime Video surgiram neste contexto e têm desempenhado um papel importante naquilo que pode ser considerado um rejuvenescimento da televisão.

Em Portugal, existem 3 grandes plataformas que concentram os clientes do serviço on-demand de filmes e séries: Netflix, Amazon Prime Video e N Play. Mas qual será a melhor? Dada a exclusividade da N Play aos clientes NOS, esta análise vai apenas recair sobre as duas primeiras.

1- Preços

Talvez a mais importante das etapas quando se tem de escolher um serviço de streaming: os preços. A Netflix oferece um período experimental de um mês para que os clientes possam experimentar o serviço, sem qualquer necessidade de fidelização. Já a sua concorrente apenas disponibiliza um teste de 7 dias. Depois do período experimental, a Netflix e a Amazon Prime Video apresentam pacotes diferentes.

Netflix:

  • Plano Base  (7,99 euros por mês) – Permite ver em streaming séries e filmes da Netflix em apenas um dispositivo de cada vez na qualidade SD. É ainda possível transferir conteúdos num aparelho à escolha do utilizador;
  • Plano Standard (10,99 euros por mês) – Permite ver em streaming séries e filmes da Netflix em dois dispositivos ao mesmo tempo, na qualidade HD. Além disso, permite ainda transferências em dois dispositivos, à escolha do utilizador;
  • Plano Premium (13,99 euros por mês) – Permite ver em streaming séries e filmes da Netflix em até 4 dispositivos em simultâneo, na qualidade HD e, quando disponível, UHD. Permite ainda transferências em 4 dispositivos.

Amazon Prime Video:

  • Este serviço apenas disponibiliza um plano para os seus utilizadores: 2,99 euros por mês durante os primeiros seis meses e depois passa para 5,99 euros por mês;
  • É importante ainda ressalvar que após o período experimental nenhum destes serviços obriga os utilizadores a ficarem fidelizados, bastando apenas cancelar a conta.

2- Conteúdo

Esta secção é a mais subjetiva de todas e que depende sobretudo das preferências dos utilizadores.

Em Portugal, a Netflix apresenta mais de 4000 conteúdos: séries, filmes, documentários e até animes. Produções como “House Of Cards”, “Narcos”, “The Crown” ou “13 Reasons Why” são o cartão de visita daquele que é o líder no mundo das plataformas de streaming.

Já o Prime Video tem um catálogo mais restrito, mas que tem vindo a aumentar desde que entrou no mercado português. Os seus principais destaques são as séries originais vencedores de Emmys como “The Marvelous Mrs.Maise” e “The Man In The High Castle”.

3- Partilha de Conta e Perfis

A Netflix tem uma política relativamente aberta em relação a este aspeto. Ela permite que um utilizador partilhe a conta com os seus amigos e famílias, deixando que cada acesso possa ter até 5 perfis ativos. Assim, torna-se mais fácil para cada elemento da família ou grupo de famílias pagar menos e ainda assim poder ter os seus conteúdos separados dos outros.

Já a Amazon Prime Video não deixa criar perfis e como tal não incentiva a partilha de conta.

Mas, então, qual é a melhor opção?

Depende de pessoa para pessoa e tendo em conta a utilização que cada um irá dar ao serviço e o tipo de conteúdo que deseja ver. No entanto, atualmente a Netflix parece uma melhor escolha, considerando a vastidão do seu catálogo e o tipo de conteúdos oferecidos.

Artigo revisto por Rita Serra

Artigos recentes

The (not so) Good Place

Estás à procura de uma série curta e divertida para fazer binge-watching durante a quarentena? The Good Place pode ser a melhor opção. Esta série

Ler mais »

SNS e o suicídio

Não saber que o Sistema Nacional de Saúde é lento é como não saber que data é 1143: é sinal de que não se é

Ler mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *