Poluir pode vir a ser considerado pecado

Poluir o meio ambiente pode vir a ser considerado um “pecado ecológico”. A decisão proveio do Papa Francisco que afirmou estarmos perante uma ameaça ao nosso “lar comum”, que é como quem diz, o Planeta Terra.

Fonte: LUSA/FABIO FRUSTACI

Segundo a notícia avançada pela agência espanhola EFE, o Papa Francisco anunciou que a Igreja Católica pretende introduzir no catolicismo a noção de “pecado ecológico”. O Papa explicou que os crimes contra o meio ambiente devem ser punidos de alguma forma, principalmente num momento em que enfrentamos “crimes contra a paz”, como descreve o Pontífice.

O chefe da Igreja Católica aproveitou o XX Congresso Internacional da Associação de Direito Penal, realizado em Roma, para deixar uma mensagem e estabelecer a sua posição em relação ao tema: “um sentido elementar de justiça implicaria que alguns comportamentos, dos quais as empresas são geralmente responsáveis, não fiquem impunes. Em particular todos aqueles que podem ser considerados ecocídios”.

O ecocídio é o conjunto de ações desencadeadas pelo Homem que põem em causa a saúde do Planeta. É o caso da “poluição maciça do ar, da terra e dos recursos hídricos, a destruição em grande escala da flora e da fauna e qualquer ação capaz de produzir um desastre ecológico ou destruir um ecossistema”, enumera o Papa Francisco.

A ideia de introduzir o “pecado ecológico” não é nova e já tinha sido discutida no Sínodo dos Bispos sobre a Amazónia. A proposta é a de estabelecer os problemas ambientais como ações contra Deus, contra a comunidade e o meio ambiente

Artigo corrigido por Adriana Alves

Artigos recentes

Era uma vez

Versão em forma de tributo de uma Hollywood em transição da sua fase clássica para uma nova era mais escura. O “nono” de Tarantino não

Ler mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *