Capital

Quem tem medo de Virginia Woolf?

Quem tem medo de Virginia Woolf? é a comédia atualmente em cena no Teatro da Trindade Inatel, desde 12 de abril. É protagonizada por Alexandra Lencastre e Diogo Infante, que regressam aos palcos juntos.

É encenada a partir do clássico do mesmo nome de 1962 do dramaturgo contemporâneo norte-americano, Edward Albee. As personagens principais, Martha e George, são um casal de meia-idade que vive um casamento conturbado de muitos anos. A ação desenrola-se após estes voltarem de uma festa oferecida pelo pai de Martha, sendo que recebem dois convidados em sua casa – um novo professor da faculdade onde George leciona, e onde o pai de Martha é reitor, e a sua esposa. É a partir daqui que todas as peripécias, o drama, a comédia e a guerra entre as personagens se desenrolam, de uma forma excecional até chegarmos a um final monótono mas muito sentido. Os jogos psicológicos entre Martha e George, envolvendo muitas vezes os convidados, são verdadeiras provas para este casamento fragilizado, fazendo uma ponte entre o que é realidade e o que é uma ilusão.

Depois do sucesso da peça Plaza Suite, a dupla Alexandra Lencastre e Diogo Infante, volta a subir ao palco. A performance dos atores está fantástica, tendo de fazer uma especial atenção à de Alexandra Lencastre, que consegue ir desde a cólera momentânea ao riso, passando ainda por momentos de sarcasmo – tudo na mesma personagem e com uma vivacidade e interpretação fenomenais e cativantes. Diogo Infante, por ter um papel mais calmo e não tão explosivo, ao representar George, passa mais despercebido nos recantos desta peça. É de louvar que ele também tome conta da encenação e da direção de atores neste espetáculo.
Lia Carvalho e José Pimentão, que representam o papel dos convidados de Martha e George naquela noite, são também dois grandes performers. São dois atores mais jovens, cujo talento sobressaiu naquela noite no Teatro da Trindade.
O público soltou gargalhadas do início ao fim do espetáculo, sendo este repleto de momentos de puro gozo entre as personagens, o que permite descontrair e entrar no regime mais cómico, entrelaçados no meio de momentos bastante mais dramáticos e violentos entre as personagens, que tornam o palco num campo de batalha.
É uma peça de muita qualidade, bastante interessante e cujo produto vale a pena ser visto e revisto. Dá vontade de dizer que o teatro em Portugal pode ter um futuro brilhante, fossem todas as peças como esta. Um grande “Bravo”.

[cycloneslider id=”virginiawolf1″]

Quem tem medo de Virginia Woolf? está em cena no Teatro da Trindade Inatel até 11 de junho, de quarta a sábado às 21h00 e domingo às 16h30, sendo classificada para maiores de 12 anos. É um espetáculo único a não perder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *