• Atualidade

    Pilar del Río vence o Prémio Luso-Espanhol de Arte e Cultura 2016

    A jornalista ganhou este prémio pelo seu trabalho como fundadora da Fundação José Saramago, “dedicada à defesa dos Direitos Humanos”. Nasceu em Sevilha em 1950 é jornalista e tradutora. Casou em 1988 com o escritor José Saramago. Criou a Fundação José Saramago, à qual preside atualmente. O prémio no valor de 75 mil euros visa distinguir um autor, pensador ou criador que tenha contribuído para a cultura de Portugal e Espanha e para um maior conhecimento da criação ou do pensamento. Pilar foi escolhida pela sua “promoção da literatura portuguesa e ao intercâmbio da cultura portuguesa, espanhola e latino-americana”, referiu o júri. Teve também um importante papel nos “valores da…