• Opinião

    Palavra de GAMER: Neuromarketing – O “Jogo” da Mente

    Quando foram criados os conceitos de marca, mercado e bens, pensava-se que eram as próprias empresas que detinham o poder de controlar o seu próprio sucesso, ou seja, tudo dependeria da qualidade dos bens produzidos e da capacidade de dissimular a opinião dos seus clientes face aos concorrentes. Dentro desta corrente de pensamento, houve um CEO de uma empresa que ficou bastante conhecido pela expressão “o carro é disponível em qualquer cor, contanto que seja preto”, mostrando assim o poder que as empresas pensavam ter nos seus clientes. Contudo, a mentalidade das pessoas foi evoluindo e rapidamente passámos de clientes manipuláveis a consumidores racionais que já não se deixavam manipular…

  • Opinião

    Palavra de GAMER: O maior artigo alguma vez vendido

    A questão que abordarei neste artigo tem sido alvo de debate e escrutínio ao longo de várias décadas. Trata-se do product placement, uma técnica inconvencional utilizada pelas empresas para publicitar os seus produtos através de filmes, televisão ou outros meios. Apesar da sua constante utilização, esta estratégia tem gerado opiniões polarizadas, nomeadamente por parte do público que é incessantemente impactado pelas marcas no ecrã. Há quem defenda a abolição da sua prática ou adoção de regulamentações limitadoras, é certo, mas o product placement acaba por ser indispensável para todos os envolvidos na sua produção e não só – as céticas audiências também. Um dos maiores exemplos é a sua presença…