• Opinião

    A Era Leaked

    (Ilustração por Rute Cotrim) A Internet é impaciente. Quem espera, desespera, diz o provérbio. E, neste caso, a sabedoria popular assenta que nem uma luva à Sô Dona Rede. É certo e sabido que a indústria musical atravessa tempos atribulados. Os seus timings não se coadunam com o ritmo da locomotiva online. A imprevisibilidade mora ao virar da esquina. Os cérebros da indústria musical esforçam-se por delinear estratégias inabaláveis. No entanto, no duelo do braço de ferro, os vencedores são irremediavelmente os cibernautas. O faro destes é apuradíssimo. Não é de admirar que jargões como vazar ou cair na net sejam tão familiares ao nosso léxico digital. A já corriqueira…