• Opinião

    Janelas “Assassinas”

    Atualmente têm chegado notícias, principalmente, de Portugal, de crianças a morrerem ao caírem de diferentes andares dos prédios. Eu, por exemplo, assisti a uma tragédia há uns anos atrás, quando uma criança se mascarou de homem-aranha e quis experimentar “voar” pela janela – é óbvio que estava sozinho em casa (o pai tinha ido a uma padaria e deixou-o sozinho) e o final nem é preciso revelar. Infelizmente não só aconteceu apenas neste dia; por exemplo, em Lisboa, mais propriamente no dia 19 de fevereiro de 2016, uma criança atirou-se do 21º. de um prédio localizado no Parque das Nações (estava sozinha em casa, o que é quase uma moda…