• Atualidade,  Informação

    Ministro justifica imposto sobre refrigerantes com “razões de saúde”

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, afirmou, em Paris, que os impostos sobre refrigerantes “têm a ver com razões de saúde”. Em declarações aos jornalistas na Feira Internacional do setor agroalimentar SIAL, que irá estar “aberta” até ao dia 20 de outubro em Paris, o ministro português da Economia, Manuel Caldeira Cabral, justificou a sua presença de modo a “apoiar os exportadores do setor agroalimentar” sem que haja “novos impostos às empresas(…)”. De acordo com a proposta do OE para 2017, apresentada na sexta-feira, 14 de Outubro, o Governo pretende taxar os refrigerantes através do imposto sobre o Álcool e Bebidas Alcoólicas (IABA), com o objetivo de entregar esta…