• Grande Entrevista e Reportagem

    MATXO AKADIGRAZ, DA COVA DA MOURA PARA O MUNDO

    Matxo AkaDigraz, um jovem cabo-verdiano da Cova da Moura, canta rap crioulo desde muito novo. Hoje, procura atingir o estatuto profissional na área da música, determinado a atingir os seus objetivos e ser mais uma voz da mudança, está sempre na luta para deixar a sua marca neste mundo. Neste momento, já tem lançadas quatro músicas cujos títulos são: “Balling”, “Ser Forte”, “Ta Dipendi De Mi” e “Oto Vida”. Todas elas individuais, exceto a mais recente, “Balling”, que conta com a colaboração de Bex AkaDigraz (membro do seu grupo musical). Todas retratam a sua jornada e o seu lema, mantendo-se real a quem é. Em entrevista à ESCS Magazine, Matxo deu…

  • Moda e Lifestyle

    MULHER, USA A CONFIANÇA QUE HÁ EM TI

    Tema tão banal porém tão pouco retratado. Falamos de confiança como se fosse a coisa mais simples de obter. No entanto, todos passamos por um processo doloroso para a manter. A construção da nossa confiança é uma batalha como mulheres, num mundo que nos coloca a necessidade de perfeição.  Temos de entender de uma vez por todas que o poder reside em nós e na forma como nos apresentamos no mundo. O que o mundo dita acerca do que somos é apenas a opinião do mundo e não a nossa realidade, coisa que construímos com coração e alma. No entanto, não vale a pena fazer aqui um discurso da simplicidade…

  • Moda e Lifestyle

    E o amor não-correspondido? Não é o fim do mundo!

    Escusado será dizer que todos nós já tivemos o nosso coração “partido aos bocados”, como diz a expressão, e escusado será falar em quantas vezes nos culpabilizámos por isso… Mas, analisando de forma lógica, será que tivemos mesmo culpa? Vamos lá pensar nisto por um segundo. Quem é que escolhe amar quem? Ora bem, há várias experiências de um amor não correspondido. Pode ser um “não” imediato, um “não” depois de já ter começado a relação, um “não” após envolvimentos sem o compromisso… São tantas e diversas as formas como estas histórias se desenrolam, mas há um lembrete que deixo para nos lembrarmos sempre: isto não nos define! São histórias…

  • Moda e Lifestyle

    Ativismo digital português

    Numa época de quebra das normas, da preocupação com os direitos humanos e com a liberdade dos indivíduos, vemos cada vez mais novos influencers que se apresentam como ativistas nas redes sociais (com saliência para o Instagram e para o YouTube).  Esta nova forma de ativismo tem revolucionado o poder da voz do povo, uma vez que permite a estas pessoas que cheguem muito mais longe do que apenas à sua comunidade; chegarem a um país e, por vezes, muito mais além.  Os seguintes tópicos foram selecionados com base nos assuntos mais salientes de abordagem em Portugal nos últimos tempos. Com o Instagram, estes ativistas desenvolvem o seu trabalho, passando…

  • Moda e Lifestyle

    Monogamia ou Poligamia: haverá certo?

    Porquê a necessidade de haver certo ou errado? Porquê a tendência de socialmente criarmos padrões sobre a maneira como nos devemos relacionar? Afinal, não há o “certo” quando se trata de amor (ou pelo menos não devia), o correto será sempre o que deixa as pessoas felizes (sem magoar terceiros, é claro). Não estará na hora de refletir?  Lembro-me de um amigo meu mencionar: “se estou com uma mulher, ela só deve querer ter relações sexuais comigo, só desejos comigo. Não faz sentido pensar sequer noutro homem”. Bem, fiquei perplexa e questionei: “Mas os homens deixam de sentir desejos? Deixam de imaginar?” e, claramente que não, o típico: “mas eu…

  • Grande Entrevista e Reportagem

    Propagandarte, Tudo Pela Arte

    Ah, o poder da arte… A sua capacidade de mudar vidas, transformar padrões e revolucionar gerações parece tão evidente – afinal, a arte representa a sociedade e permite que a História se eternize -, porém ainda vemos muitos artistas que não têm o merecido reconhecimento… Não obstante, ainda há quem faça questão de observar o crescimento de inovadores e de participar de forma ativa no desenvolvimento do mundo cultural em Portugal. Joana Féteiro é uma dessas pessoas. Tem 18 anos e é natural de Loures. Atualmente, estuda na Escola Superior de Educação. Contudo, a sua ligação com a arte foi intensificada graças ao seu percurso na Escola Artística António Arroio,…

  • Moda e Lifestyle

    Namora Primeiro Contigo

    Tomar a escolha de estar bem só, na sua própria companhia, dá um poder enorme a uma mulher que decide dedicar-se a si mesma. Investir mais em si em detrimento de outros, não por egoísmo, mas por necessidade. Isto não quer dizer que não possa vir a ter relações, mas há que saber quando e porque é que o fazemos – para amar o outro, temos de nos amar primeiro.  Saliento que neste artigo me dediquei unicamente a falar de relações heterossexuais, para averiguar a necessidade da sociedade de que uma mulher tenha uma presença masculina do seu lado. E que tal nos escolhermos primeiro? Todos sabemos que é imposto…

  • Moda e Lifestyle

    A Natureza: Desconectar para Conectar

    Voltar a conectarmo-nos com a Natureza significa voltar a conectarmo-nos com a nossa essência. Respeitar a Mãe Natureza e aprender a amar tudo o que nos fornece é um valor que cada um de nós deveria levar em consideração, pois tudo depende dela. Dela viemos ao mundo e dela vamos embora. E como ela se distingue pelo seu mistério e beleza que transcendem qualquer coisa… Ah, o cheiro da paz num ambiente verde e o som da harmonia quando os pássaros passam por nós, a água a cair para nos arrepiar a alma de uma maneira única, o calor de uma fogueira num dia de inverno, o azul encantador do…

  • Moda e Lifestyle

    Entre Porto e Lisboa: será que a vida muda?

    Ah! A cidade de Lisboa e a cidade do Porto… Duas cidades do país que quase toda a gente conhece, seja pela sua importância política e histórico-cultural, seja pela sua beleza. Muitos falam da competição que existe, mas creio que advém do facto de muitos nortenhos acharem que a capital devia ser a cidade do Porto, frequentemente fundamentado em factos históricos, como o de a cidade ter destaque no início da formação do nosso país, sendo que Lisboa apenas foi conquistada posteriormente. E, muitas vezes, do lado lisboeta é por se achar que é mais “chique” – se é que posso usar esta palavra para descrever a maneira como veem…

  • Moda e Lifestyle

    Minimalismo: somos o que temos?

    Perante a evolução da sociedade capitalista, é cada vez mais relevante entender os nossos limites, para não perdermos uma parte do que somos no meio da loucura do “ter” em vez de “ser”. O minimalismo é o fruto da luta para evitar cair no erro de deixarmos que a posse nos defina.  Ao livrarmo-nos de tudo o que não é relevante sentimo-nos mais leves e livres… Porquê? Simples: porque deixamos o peso do que possuímos para trás, o que permite uma vida mais facilitada, seja para viajar, seja para mudar para outro sítio, seja mesmo para a nossa estabilidade mental.  O problema não é ter coisas, mas deixar que essas…