Atualidade

Comemorações do dia nacional da Espanha acabam em tragédia

Um caça das forças armadas espanholas despenhou-se, hoje, junto a uma base militar no sul do país. O desastre, que resultou na morte do piloto, aconteceu quando o avião regressava do desfile do Dia da Hispanidade, ao qual presidiu o monarca espanhol, Filipe VI.

Segundo informação divulgada pelas autoridades espanholas, o piloto não conseguiu ejetar-se da aeronave, pelo que faleceu no momento da colisão. O acidente terá ocorrido pelas 12h15, hora local, nas imediações da base aérea de Los Llanos, localizada a cerca de 300 quilómetros a sudeste de Madrid.

O avião de combate foi uma de um total de 78 aeronaves que marcaram presença no cortejo aéreo realizado para assinalar a efeméride do dia nacional de Espanha, na capital madrilena. Os referidos aparelhos são propriedade do Exército, da Guardia Civil e da Patrulha Acrobática Águila.

A aeronave em causa era um dos oito caças “Eurofighter Typhoon” que tomaram parte no desfile, e cuja sede é a base aérea de Morón de la Fronteira, em Sevilha.

Este é o quarto acidente com uma aeronave deste modelo em Espanha desde 2002, ano do seu lançamento. A base de Morón alberga forças aéreas norte-americanas e espanholas; porém, só as últimas utilizam este avião de fabrico europeu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *