Presidente grego aprova a dissolução do Parlamento

O Presidente grego aceitou o pedido do primeiro-ministro Alex Tsipras de dissolução do Parlamento e de eleições antecipadas. A proposta surge após os maus resultados do partido de Tsipras na eleições europeias e locais. As eleições legislativas serão a 7 de julho.

Alex Tsipras reuniu, na segunda-feira, com o presidente Prokopis Pavlópoulos a fim de pedir a dissolução do Parlamento e antecipação das eleições legislativas. O primeiro-ministro grego justificou a decisão com os maus resultados do seu partido, o Syriza, nas recentes eleições europeias.

“Por esse motivo peço-lhe, assumindo toda a responsabilidade, que dissolva o parlamento e convoque eleições para renovar o mandato popular”, disse Tsipras. O presidente aprovou o pedido e será emitido um decreto com a nova data de eleições, 7 de julho, abrindo assim a campanha eleitoral.

O partido de esquerda de Alex Tsipras, que também é o partido dominante no Parlamento grego saiu derrotado nas eleições europeias. O Syriza ficou a 9,5 pontos percetuais do partido conservador Nova Democracia. Nas eleições regionais e municipais os conservadores também venceram em muitos locais.

As eleições legislativas estavam marcadas para outubro, mas o primeiro-ministro grego não quis criar um período de incerteza nem colocar a economia em risco e decidiu antecipá-las.

Alex Tsipras é primeiro-ministro da Grécia desde 2015.

Artigo revisto por: Andreia Jesus

Artigos recentes

A arte para além de uma moldura

A exposição “Genius or Vandal – an unauthorized show” chegou a Portugal no dia 14 de junho à Cordoaria Nacional, em Lisboa, onde estará aberta

Ler mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *