Opinião

Sentido da vida?

Estou perto da resposta
À pergunta de que ninguém gosta.
Talvez seja o primeiro a descobrir
E o último a fazer por existir.

Não concordo com a ideia de viver intensamente,
Peço a Chaplin que me perdoe.
Prefiro viver normalmente,
Esperando que a banalidade me magoe.

Alan Watts que por mim viva,
Se o sentido da vida assim o for;
Se não for, alguém que diga
E me ensine a lidar com a dor.

A pergunta pode parecer simples,
Mas não sei o que tenho eu vivido.
Mentir-vos-ei com esta resposta:
A vida tem todo o sentido.

Por Diogo Sardinha

Fotografia de Miguel Melo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *