• Atualidade

    Confronto entre extrema-direita e esquerda

    A manifestação organizada pelo Partido Nacional Renovador (PNR) para a passada terça-feira à tarde, em frente à Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH), em Lisboa, foi surpreendida com uma mobilização adversária de quase quinhentas pessoas. As(os) cerca de vinte membros do partido chegaram à Avenida de Berna pelas 17h30, com bandeiras nacionais e do PNR. Acompanhavam algumas(ns) delas(es) máquinas de sulfatar, que tinham o objetivo de “matar o fascismo de esquerda”, sendo que quem as levava considerava “os esquerdopatas” “uns parasitas”. O PNR colocou à vista uma faixa que dizia “Pelo nacionalismo renovador, liberdade de expressão” e prendeu numa das árvores existentes no local um pano com a mensagem…

  • Secções

    “Sou parte de uma geração privilegiada no jornalismo”

    Autor de entrevistas de referência, Carlos Vaz Marques, desta vez, falou sobre si: em pequeno não tinha livros em casa e, ainda recém-licenciado, foi “especialista em livros TSF”. Hoje, tem uma gratidão geral pela vida. Fomos conhecer o homem brilhante que tantas vezes fica na sombra. Ao longo de quase uma hora, conversámos com uma profunda simplicidade – daquelas que deixam significados a germinar durante os dias seguintes. Encontrámo-nos na Mexicana, um café clássico da Praça de Londres, em Lisboa. Carlos Vaz Marques apresentou-se com uma simpatia muito familiar e contou as suas histórias enquanto lanchámos. O jornalista, formado em Línguas e Literaturas Modernas, entrega o mérito do seu percurso…