• Opinião

    A problemática do rabo

    Portugal é a cauda da Europa. Por outras palavras, Portugal é o rabo da Europa. Isto não tem que ser necessariamente mau. Que lance a primeira pedra aquele que não admirou e desejou já um rabo. O problema aqui é que a Europa já não vai para nova e de vez em quando precisa de se sentar porque está cansada. Ora, quando a Europa se senta, nós, magnânimo traseiro, ficamos comprimidos pelo peso do corpo da Europa e o assento escolhido. Ainda assim, não podemos responsabilizar apenas a Europa. Portugal, enquanto rabo, tem que assegurar por si dois aspectos: o primeiro é o da funcionalidade e que eu dispenso pormenorizar…