7ª Arte

Uma Estrela em Ascensão

A conquista de um Óscar é o ponto principal da carreira de um actor, que simboliza o salto para a fama, o reconhecimento internacional e a confirmação do seu talento. É este o caso de Eddie Redmayne, que ganhou notoriedade com a sua participação no filme A Teoria de Tudo.

Nascido a 6 de Janeiro de 1982 em Londres, foi educado na Eton College, uma escola exclusiva para rapazes. Licenciou-se em História de Arte na Trinity College em 2003´, onde já descobrira a sua paixão pela representação. Nesse mesmo ano, entra em diversas peças de teatro e em séries de televisão, com uma notória participação em Pilares da Terra (2010), mas foi em palco que Eddie Redmayne começou a surpreender a plateia. A peça de John Logan, Red, onde contracenou com Alfred Molina e que marcou a sua estreia na Broadway, viu surgir um incrivelmente talentoso actor. Culminou com a atribuição de um Prémio Oliver e de um Prémio Tony pela sua performance.

55

O sucesso no teatro permitiu-lhe dar o salto para o mundo do cinema, onde se notabilizou com a participação no musical Os Miseráveis, dando vida a Marius Pontmercy, recebendo críticas bastante positivas pela sua actuação. Depois de um hiato em 2013, Eddie Redmayne regressou aos ecrãs para a sua mais aclamada prestação até ao momento, interpretando o físico Stephen Hawking em A Teoria de Tudo, que lhe valeu um prémio BAFTA, um Golden Globe e um Screen Actors Guild Awards, juntando depois o Óscar para melhor actor. Contou ainda com um papel secundário no filme Jupiter Ascending, que estreou no início do presente ano, no entanto, sem qualquer premiação.

6657

Quanto a projectos futuros, Redmayne voltará a ser protagonista noutro filme biográfico, The Danish Girl, com estreia prevista para 2016, onde vai assumir o papel de Lili Elbe, a primeira mulher transexual a submeter-se a uma cirurgia de alteração de sexo.

u

Com apenas 33 anos, Eddie Redmayne é certamente um nome a ter em conta no futuro e já demonstrou que com a sua dedicação e trabalho pode desempenhar qualquer tipo de papel em qualquer produção. Estamos perante uma estrela em ascensão, o que comprova que a Grã-Bretanha mantém a tradição de formar excelentes actores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *