Agenda Cultural

Teatro, dança, pintura e escultura: são estas as áreas que podes conhecer um pouco melhor, no decorrer deste mês de março. Sem tempo para pesquisar e perceber o que vale a pena? A magazine dá-te uma ajuda e indica-te o que de melhor se faz na cidade.

Se és fã de Bruno Nogueira e Ricardo Araújo Pereira, temos uma excelente notícia para ti. Os dois nomes voltam a juntar-se no Teatro São Luiz, em Lisboa, para o ciclo de debates «Tragédia + Tempo». Este ciclo procura, desde que se iniciou, em janeiro, abordar a relação entre o humor e outros temas. A sessão deste mês realiza-se no dia 14 e conta com a presença de Camané, de Celeste Rodrigues e de Ricardo Ribeiro. O tema? «O humor na música».

Se estás mais virado para a escultura, nada melhor do que visitar «Incêndio», da autoria de Rui Chafes. Patente na Galeria Filomena Soares, em Lisboa, até ao dia 18 de março, esta é uma exposição composta por 25 peças inéditas – 11 em bronze e 14 em ferro.

Até ao dia 1 de maio, podes ainda passar pelo Pavilhão de Portugal e visitar «Tutankamon – Tesouros do Egipto». A exposição é composta por mais de cem peças do antigo Egipto. Não percas!

Também até ao dia 1 de maio, tens a oportunidade de visitar as antigas Carpintarias de São Lázaro, um espaço que reabre agora como Centro de Criação de Artes Contemporâneas. O espaço estreou-se da melhor forma com a exposição «Los Carpinteros».

Aproveita e vai ver um pouco da história da Capital. Como? Visita «Cidade Gráfica. Letreiros e Reclames de Lisboa no séc. XX», no Convento da Trindade. Apressa-te, pois só tens até ao dia 18 de março.

Nunca foste à Galeria Abysmo? Devias e tens agora uma razão para o fazer. Até ao dia 20 deste mês, encontra-se patente a exposição «A minha casa não tem dentro». Da autoria de António Jorge Gonçalves, esta é uma exposição composta por desenhos que tomaram forma depois de um internamento hospitalar.

Por último, não podes perder «José de Almada Negreiros: uma maneira de ser moderno». Presente no Museu Calouste Gulbenkian até ao mês de junho, esta é uma exposição que mostra a obra deste tão importante artista.

Artigos recentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *