• Artes Visuais e Performativas

    Pensar com a cabeça

    Robôs pintores, neurónios gigantes e a nossa própria atividade cerebral são apenas algumas das coisas que se encontram na exposição “Cérebro — Mais Vasto que o Céu” da Gulbenkian. O cérebro é conhecido como a estrutura mais complexa que existe. Da memória à linguagem e da perceção às emoções, a massa cinzenta tem diferentes áreas que funcionam de formas distintas. A ESCS MAGAZINE, ao tentar descobrir mais sobre este tema fascinante, encontrou a nova exposição da Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, que se foca precisamente no mundo labiríntico que é o cérebro humano. Intitulada “Cérebro – Mais Vasto que o Céu”, foi inaugurada a 16 de março e junta a…

  • Artes Visuais e Performativas

    3, 2, 1… Que comece o circo!

    Entre 3 e 13 de janeiro, quem entrou no Altice Arena, em Lisboa, entrou num verdadeiro mundo fantástico. Impossível e inimaginável. Mas tornado realidade graças à produção e ao trabalho do Cirque du Soleil. Com uma peça intitulada de “OVO”, o espetáculo não é apenas um simples “ovo”, o zigoto dos animais, segundo o ponto de vista da biologia, e não fala do ovo da foto que bateu o recorde do Instagram com mais de 29 milhões de gostos. “OVO” conta a história de uma precipitada corrida para um ecossistema cheio de vida e de cor, onde insetos trabalham, comem, rastejam, brincam, lutam e até se apaixonam. Tudo isto num…

  • Grande Entrevista,  Grande Reportagem

    Ativar a MUDANÇA

    ANuma atualidade onde diversidade é a palavra de ordem, será possível ainda persistir racismo, xenofobia, preconceito e intolerância?? Em pleno século XXI, continuam a surgir conflitos relacionados com as diferenças culturais e religiosas existentes no mundo. Conflitos estes que, muitas vezes, chegam a atingir níveis que exigem uma grande preocupação e atenção. “O encontro com o outro, com outras pessoas, sempre foi uma experiência universal e fundamental para as nossas espécies. Neste sentido, as pessoas têm três escolhas quando se encontram com o “outro”: Podem escolher a guerra, podem escolher construir um muro à volta de si próprios ou podem entrar em diálogo.” – Ryszard Kapuscinski, jornalista e historiador polaco.…

  • Artes Visuais e Performativas

    Quando a música não é apenas música

    Envolto em toda uma magia, é um espetáculo que atrai emoções fortes, memórias e experiências de grandes momentos, nostalgia e romantismo, assim como muita ação e suspense. Dezembro ficou marcado pelo concerto da Lisbon Film Orchestra, realizado ao vivo na grande sala do Campo Pequeno. O espetáculo começou a partir do momento em que se entrou no espaço do concerto. A grande sala do Campo Pequeno transformou-se num verdadeiro cenário idílico repleto de magia, transportando a audiência para os filmes tratados em cima do palco. Ao conjugar as sete artes, abordou o som, o movimento, a cor, o volume, o espaço e os efeitos audiovisuais. A Lisbon Film Orchestra é…

  • Artes Visuais e Performativas

    Ver com outros Olhos: de todos para todos

    Que perceção terá da imagem uma pessoa que não vê ou que vê muito pouco? É ao entrar numa grande sala com diversas fotografias, no edifício sede da Fundação Calouste Gulbenkian, que se pode ter essa noção. A exposição “Ver com Outros Olhos” trata-se de um trabalho fotográfico realizado com pessoas cegas ou de baixa visão. Com recurso a imagens táteis com audiodescrição, é acessível ao público com deficiência visual.     Com o objetivo de “mostrar ao mundo que a cegueira não é escura”, mas que “tem luz, cor e beleza”, são retratados medos, desejos, ambições, memórias e fascínios, fazendo-se “a construção do ver, não vendo”. Através das fotografias…