Artes Visuais e Performativas

Hamilton – O sucesso da Broadway no conforto de tua casa

Hamilton é um musical americano composto e escrito por Lin-Manuel Miranda que  estreou pela primeira vez no teatro Richard Rodgers a 6 de agosto de 2015. O musical conta com mais de 30 prémios, entre as produções Off-Broadway e do elenco original, sendo dois deles o Tony Award de Melhor Musical e o Grammy de Melhor Álbum de Teatro Musical, ambos atribuídos em 2016. Devido à pandemia, o criador do musical decidiu lançar as gravações que tinham sido feitas em junho de 2016 na plataforma de streaming Disney+, estreado a 3 de julho de 2020.

O musical é extenso – conta com quase 3 horas de musical com 1 minuto de intervalo entre os dois atos. O elenco principal do espetáculo é composto por atores de minorias norte-americanas, sendo elas, por exemplo, a comunidade afro-americana e filhos de imigrantes. 

Num registo de rap, hip-hop, pop e R&B, vamos conhecendo a história de Alexander Hamilton – um órfão imigrante de uma das ilhas pertencentes ao continente americano que se tornou no ‘pai fundador’ esquecido. 

Um fator positivo da história do musical é que conhecemos o destino da personagem principal desde o início. Ao longo de 46 músicas conhecemos as diferentes pessoas que fizeram parte da vida de Alexander Hamilton, sendo algumas delas Aaron Burr, Eliza Schuyler Hamilton, Angelica Schuyler e George Washington.

Elenco original da Broadway. Fonte: Tampa Bay Timeshttps://cloudfront-us-east-1.images.arcpublishing.com/tbt/44X3W2Z4CVBL7ESJCQU5FMGMG4.J
PG

Outro dos pontos positivos do musical é a inserção da personagem do Rei George III, que dá uma certa comédia a um musical tão pesado para a história americana como este. A prestação de Jonathan Groff como rei demonstra uma grande versatilidade por parte do ator que dá voz a Kristoff nos filmes Frozen e Frozen 2.

O cenário muda em cada ato, dando a sensação da construção progressiva da nação pelos pais fundadores e por todos aqueles que lutaram pela liberdade dos Estados Unidos da América contra o Império britânico. No primeiro ato são muito mais notáveis as meias paredes e cordas enroladas no fundo e nos corrimões do balcão da parte de cima do palco. No segundo ato a maioria das paredes estão mais altas, dando, assim, essa sensação de construção da nação, como referido anteriormente.

O palco do teatro Richards Rodgers tem um tabuleiro giratório no meio, o que ajuda na mudança de cenários ou na criação de diversos efeitos, como o caminhar sem os atores realmente saírem do sítio ou então a sensação de recuo em certas cenas. Estes efeitos têm também a ajuda do trabalho de luzes e coreografia. Ao juntar tudo isso, temos uma obra-prima dos musicais modernos.

Cenário de Hamilton no primeiro ato. Fonte: Pinteresthttps://i.pinimg.com/originals/94/74/a6/9474a63396480bc24a318510db1a9b7e.jpg

Se não te dei razões suficientes para agarrares n@ teu/tua companheir@, numas mantas, numas pipocas e passares um serão a ver um dos mais recentes musicais da Broadway, deixo-te aqui o trailer do musical divulgado pela Disney+.

Trailer do filme:

Aproveita o confinamento e o Dia dos Namorados para abrires os teus horizontes e os d@ teu/tua companheir@ com um musical cheio de História, amor e reviravoltas.

Boa sessão!

Artigo escrito por Flávia Gomes

Artigo revisto por Constança Lopes