Desporto

O início da caminhada rumo a São Petersburgo

No dia 14 de setembro deu-se início a mais uma edição da UEFA Champions League, cujo palco da final é a Gazprom Arena, em São Petersburgo, Rússia. 

Com duas jornadas já terminadas, veremos os resultados completos  e os respetivos destaques de cada jornada. A primeira jornada jogou-se nos dias 14 e 15 de setembro e teve os seguintes resultados:

Fonte: B24

Nesta jornada inaugural, Ronaldo voltou a marcar um golo, com assistência de Bruno Fernandes. No entanto, foi insuficiente para garantir pontos para os “red devils”.

O Benfica fez a sua estreia na Ucrânia, num jogo em que pecou na criação de oportunidades para finalizar. No mesmo grupo, os germânicos do Bayern foram até Barcelona para vencer confortavelmente por 3-0.

O atual campeão europeu, Chelsea, recebeu e venceu o Zenit por 1-0, num resultado que peca por escasso.

O próximo destaque vai para o Sheriff de Tiraspol. A equipa moldava ultrapassou quatro eliminatórias, marcando 14 golos e concedendo apenas dois, até chegar à fase de grupos, conseguindo conquistar a vitória frente ao Shakhtar de Donetsk.

À entrada para esta jornada, havia uma grande especulação sobre a estreia do trio “Neymar, Messi e Mbappé” contra os belgas do Club Brugge. No entanto, o jogo não correu tão bem como esperado para os parisienses, visto que acabou com um empate.

Houve, também, a reedição da final da Liga dos Campeões de 2005. O Liverpool venceu o AC Milan, em Anfield Road, por 3-2, num jogo recheado de golos e com muitas reviravoltas.

Já o Porto empatou a 0-0 com o Atlético de Madrid, uma equipa recheada de qualidade. A equipa orientada por Sérgio Conceição podia ter saído de Madrid com uma vitória, visto que produziu oportunidades suficientes para garantir a mesma.

Por fim, destaque para o Sporting. Pela negativa, pois não conseguiu contrariar o poderio do Ajax. A segunda jornada jogou-se nos dias 28 e 29 de setembro, tendo como resultados:

Fonte: B24

Depois do empate na 1ª jornada, o PSG conseguiu a primeira vitória nesta edição frente ao vice-campeão europeu, o Manchester City. Os parisienses venceram por 2-0 e o encontro ficou marcado pela estreia de Messi com as suas novas cores. No mesmo grupo, o Club Brugge, considerado o menos favorito, foi até à Alemanha arrecadar os três pontos depois de virar o jogo contra o Leipzig.

O Futebol Clube do Porto recebeu o Liverpool e foi goleado. A equipa portuguesa não esteve ao seu nível habitual e a equipa inglesa fez jus à sua qualidade e impôs-se logo desde início. No mesmo grupo, o Atlético de Madrid deslocou-se até Milão e saiu de San Siro com uma vitória dramática aos 90+6 minutos, selada por Luís Suarez através da marcação de uma grande penalidade.

O Sporting viajou até à Alemanha para defrontar o Borussia de Dortmund, num jogo que terminou 1-0 para os visitados. A “turma” portuguesa conseguiu ser coesa defensivamente, mas mostrou incapacidade no momento ofensivo.

O próximo destaque vai para o Sheriff, visto que conseguiu garantir a vitória em casa do histórico Real Madrid, com um golo de Thill aos 90 minutos de jogo.

O Manchester United somou a primeira vitória nesta edição da Champions League através de um golo de Cristiano Ronaldo, já para lá dos 90 minutos. Nota, também, para o golo do ex-Porto Alex Telles.

Os atuais campeões europeus, depois de garantirem uma vitória na primeira jornada, deslocaram-se até Turim, para enfrentar a Juventus. O resultado sorriu aos italianos, naquela que foi uma das surpresas desta jornada, tendo em conta o momento atual de cada uma das equipas.

O destaque principal desta jornada vai para o Benfica. A equipa da capital portuguesa recebeu e venceu o Barcelona por uns expressivos 3-0. A equipa de Jorge Jesus teve um jogo muito bem conseguido em termos defensivos, não permitindo muitas oportunidades aos “blaugrana”. Em termos ofensivos, para além dos golos que marcou, ainda conseguiu criar mais oportunidades de perigo.

Concluídas as duas primeiras jornadas, há notas máximas para Juventus, Bayern Munique, Ajax e Sheriff, visto que conseguiram alcançar duas vitórias. As notas mínimas vão para Malmo, Besiktas, Sporting e o surpreendente Barcelona.

A terceira jornada terá lugar nos dias 19 e 20 de outubro. Certamente teremos mais jogos emocionantes e surpresas das quais não estamos à espera.

Artigo revisto por Miguel Tomás