Os 5 piores looks femininos dos Globos de Ouro

Foi neste mês, mais precisamente dia 5 de janeiro (em Portugal na madrugada de dia 6), que ocorreram os Globos de Ouro. 

Para quem não sabe, o que acho difícil, os Globos de Ouro são uma cerimónia de premiação nas áreas do cinema e da televisão, dentro e fora dos Estados Unidos. Estes prémios são entregues pela Hollywood Foreign Press Association e são uma honra para quem os recebe. Distinguem-se do Óscar e do Emmy pelo método mais rigoroso e crítico na escolha dos vencedores.

Uma parte importante deste evento é a passadeira vermelha, onde várias celebridades desfilam para os inúmeros fotógrafos com uma vastidão de vestidos e smokings. É neste “desfile” de celebridades que consiste o meu artigo deste mês. Irei avaliar os cinco piores looks femininos. 

Antes de começar esta análise de forma mais específica, tenho a dizer que foi difícil para mim encontrar só cinco piores looks. Infelizmente, a quantidade de pessoas mal vestidas foi grande. 

Para proceder a esta análise irei classificar por ordem decrescente, ou seja, do pior para o terrível.  

Em quinto lugar encontramos Jennifer Lopez. A presença do laço gigantesco só me lembra um presente. Apesar do corte do vestido a favorecer, o tecido utilizado parece amarrotado, o que na minha opinião torna o mesmo desajeitado.

Fonte: Máxima
Jennifer Lopez, em Maison Valentino

Em quarto lugar, encontramos Renée Zellweger. Às vezes a simplicidade pode ser um fator favorável, no entanto simplicidade a mais torna-se aborrecido. Na minha opinião, não parece existir esforço nenhum na realização deste vestido. A sensação que nos transmite é a do reaproveitamento de um tecido. A falta de acessórios, que podiam ter salvo este look, tornou-o ainda mais sem graça. 

Fonte: Máxima
Renée Zellweger em Armani Privé

Em terceiro lugar encontramos Rachel Bilson. Da cintura para cima até parecia promissor, mas, quando se olha para a parte de baixo, aí sim é de se ficar assustado. A escolha da saia, que mais parece um edredom da era medieval, é de pedir socorro. Não há sentido nem ligação entre as duas peças. A escolha do corpete rendado tinha tudo para dar certo se a parte de baixo tivesse acompanhado. 

Fonte: Máxima
Rachel Bilson

Jodie Comer ocupa o segundo lugar. Na minha opinião, acertou na escolha da cor do vestido. No entanto, já não se pode dizer o mesmo do corte do vestido, que a deixou sem pescoço e sem curvas aparentes, não a favorecendo de todo. Para além disso, o vestido parece um número acima, tornando-se pesado. Os acessórios coloridos, que poderiam ter acrescentado um pouco de diversão ao look, contribuíram para a visão pesada e exagerada.

Fonte: Máxima
Jodie Comer

Para finalizar, o primeiro lugar vai para Kerry Washington. Sinceramente, nem sei por onde começar. Este look, está um completo desastre. A utilização do blazer por cima do vestido, para tornar o vulgar em formal, acabou por não fazer sentido devido à diferença das peças. A diferença de tecidos da saia e do blazer torna a confusão e falta de encaixe das peças mais presente.

O vestido parece inacabado na parte de cima, faltando o tecido que supostamente iria preencher a parte nua.   

Fonte: Máxima
Jodie Comer

Artigo corrigido por: Ângela Cardoso

Foto da Capa (Fonte) – larata.clnoticias

Artigos recentes

Era uma vez

Versão em forma de tributo de uma Hollywood em transição da sua fase clássica para uma nova era mais escura. O “nono” de Tarantino não

Ler mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *