Música

Será que “Há um mar que nos separa” dá vitória na Eurovisão?

Portugal leva este ano ao maior concurso de canção ligeira da Europa, a Eurovision Song Contest, a Leonor Andrade, ex-concorrente do The Voice, com uma música composta por Miguel Gameiro. “Há um mar que nos separa” será cantada em Português, ao contrário da grande maioria dos países que levam canções escritas na língua universal, o Inglês. A última vez que uma música não cantada em inglês ganhou este festival foi no ano de 2007, com a música Sérvia “Molitva”.

O facto de cantarmos numa língua “estranha” ao panorama musical europeu faz de Portugal um país fora do lote dos favoritos. A canção de Leonor Andrade não tem sido alvo de destaque pela imprensa estrangeira e os fãs do Eurofestival falam de Leonor como sendo uma boa intérprete, mas que não impressiona.

Uma das opiniões que mais se destaca é a do OIKOTIMES, um site onde os fãs da Eurovisão encontram artigos sobre o mundo Eurovisão: “Portugal continua a ser um mistério para todos nós. Como é que este grande país não conseguiu enviar, até à data, canções de jeito à Eurovisão? A canção de Leonor Andrade é um pequeno esforço mas não será suficiente. Leonor é uma ótima cantora e pelo menos traz ar fresco e moderno para Portugal, pela 1ª vez. A apresentação em palco está OK mas não vai ficar na memória, tal como a canção, especialmente com o alinhamento desta semifinal.”

No final de contas, só nos resta uma certeza, Portugal é o país sem vitórias com o maior número de participações no Eurofestival. A semi-final com a Leonor Andrade pode ser esta quinta, 21 de Maio, em direto na RTP1, pelas 20h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *