• Opinião,  Sem Categoria

    When Orange is the new Black

    Passou quase um mês desde que acordámos num mundo que já a partir de Janeiro terá no comando um homem cujas capacidades para exercer o cargo de presidente da actual maior potência mundial são bastante duvidosas. E nem é necessário que se tenham ouvido os discursos que Donald Trump fez durante a sua campanha ou assistido aos debates em que enfrentou Hillary Clinton para se perceber isso. Basta prestar atenção à exótica tonalidade alaranjada da pele do republicano. Isto porque, para alguém incapaz de manusear correctamente uma lata de spray auto-bronzeador, deve ser difícil o correcto manejo das leis e dos acordos de um país com a dimensão e o…

  • Atualidade

    Protestos anti-Trump decorrem continuamente há cinco dias

    Desde quarta-feira que milhares de norte-americanos, e não só, saem à rua, insatisfeitos com os resultados da eleição. Donald Trump considerou os protestos injustos para com ele mas uma demonstração de paixão pelo país. O evento que se iniciou em Nova Iorque e em Chicago em poucas horas se espalhou a várias outras cidades norte-americanas (tal como ao Canadá e a Londres), onde multidões se uniram, normalmente em frente aos edifícios do agora presidente eleito. Os protestos eram etnicamente diversificados e maioritariamente constituídos por jovens; foram organizados nas redes sociais ou criados espontaneamente. A noite de quinta-feira foi a que representou um nível de tensão maior, no dia em que,…

  • Atualidade

    Trump é o 45º presidente dos Estados Unidos da América

    Donald Trump, aos setenta anos, é o primeiro presidente dos Estados Unidos da América sem experiência política ou militar, conseguindo vencer a maioria dos “swing states”. Hillary Clinton não conseguiu defender o voto democrata e perdeu vários votos em Estados-Chave. Com as urnas a fecharem ao fim da tarde, uma nação pessimista e dividida expressou grandes dúvidas sobre a honestidade e integridade de ambos os candidatos. Travaram-se, durante a madrugada, várias batalhas ferozes pela captura de Estados-Chave – os denominados “Swing States” –, que lembraram as eleições de 2000 entre Bush e Al Gore. E, embora Hillary Clinton tenha projetado três vezes mais anúncios do que o seu rival, apenas…

  • Opinião,  Secções

    Daft Trump

    Na maioria dos países, sem grandes exceções, há eleições presidenciais a cada quatro anos de mandato, para que os cidadãos desse mesmo país tenham a oportunidade de eleger o seu representante. Outro facto, que não é de outro mundo, é que os candidatos a tal cargo possuem um grande poder de argumentação para apelar ao voto das pessoas com promessas, sejam elas mais tarde cumpridas ou não. Ao ligarmos a TV, num dos canais de notícias, temos acesso às campanhas eleitorais existentes nos Estados Unidos da América, as quais têm ganhado uma repercussão negativa e polémica por parte do candidato Donald Trump, um empresário e investidor multimilionário. São tantas as…