Moda e Lifestyle

Vestir o curso

O início do ano letivo está a aproximar-se e nada melhor do que arrancar com um artigo dedicado aos cursos da nossa escola. Para ser mais precisa, às cores que representam cada um deles.

Se és novo cá e ainda não tiveste tempo para te familiarizares com este detalhe que está presente no logotipo da ESCS, vou facilitar-te a vida: o amarelo é de Jornalismo; o azul é de Audiovisual e Multimédia; o verde é de Relações Públicas e Comunicação Empresarial; e o vermelho é de Publicidade e Marketing. Traduzimos estas cores dos cursos para a tendência dos looks monocromáticos que tem sido tão adorada recentemente. 

Antes de mais, para quem não sabe, é importante explicar o que é. É quando todas as peças de roupa utilizadas são de apenas uma cor. Os mais comuns são os pretos e os brancos. Apesar de simples, visto que não temos de pensar na harmonia das cores e nem nos defrontamos com o dilema “será que estas peças combinam?”, é bastante elegante. E, para os fãs de acessórios, esta tendência é perfeita, pois ajuda a destacá-los, permitindo que sejamos mais ousados na escolha dos mesmos. 

Eu sei que estas cores são bastante chamativas e vibrantes e compreendo que, se fores caloiro, à partida não queres dar muito nas vistas. No entanto, deves aproveitar para entrar com o pé direito e com um outfit que transmita confiança. Para te ajudar, vê alguns exemplos.

Azul – Audiovisual e Multimédia:

Fonte: Pinterest

  Na minha opinião, é a cor com que mais facilmente se monta um look para esta tendência. Enquanto cor mais neutra, o azul é, também, uma cor que agrada à maioria das pessoas, fazendo com que se sintam confortáveis a usá-la.

Escolhi estes três para evidenciar que padrões como animal print e riscas conseguem destacar-se com esta tendência, assim como os sapatos com uma cor mais chamativa, como podemos ver na segunda imagem. Contudo, achei relevante mostrar-vos também uma versão mais neutra e usável, como é o caso da primeira imagem.

Amarelo – Jornalismo:

Fonte: Pinterest

     Uma cor alegre, que nos relembra os dias longos de verão. Eu diria que só os mais ousados é que conseguem montar um visual monocromático com esta cor.

Escolhi estes três, pois refletem exatamente o que disse quando expliquei o que era um look monocromático. Em ambas as fotos podemos testemunhar que a utilização de acessórios faz com que se destaquem e se tornem o foco principal na tela amarela, composta pelas peças de roupa. Não obstante, é visível que todas as mulheres conseguiram outfits bastante descontraídos e práticos para o dia a dia.

Verde – Relações Públicas e Comunicação Empresarial:

Fonte: Pinterest

          Esta cor encontra-se entre o chamativo e o neutro, dependendo do tom em causa. Se usarmos um verde alface, vamos dar mais nas vistas do que com um verde tropa ou menta.

            O verde pode ser uma cor difícil de conjugar, mas as três tentativas que vos mostro abaixo provam o contrário. O primeiro é bastante simples e tem um toque clássico, que sentimos através do material das calças e das sandálias de salto alto. O segundo é completamente o oposto: é mais ousado e parece ter saído de uma revista de moda. O terceiro é o mais confortável e está cheio de tendências, desde a cor até à mala baguette.

Vermelho – Publicidade e Marketing:

Fonte: Pinterest

A cor da paixão. Forte e vibrante, é sem dúvida uma cor que combina com os mais ousados e com os que gostam de ser o centro das atenções. Se usares um look monocromático vermelho vais com certeza destacar-te no meio da multidão.

Porém, as três imagens abaixo provam que peças de roupa simples tornam o figurino mais elegante e polido.

Agora que sabes mais sobre looks monocromáticos e que pudeste ver vários exemplos, inspira-te e cria o teu com a cor do teu curso. Ficaremos à espera de encontrar vários outfits incríveis pelos corredores. Para além disso, podes usar a hashtag e colocar várias fotos nas tuas redes sociais – vamos estar atentos.

#LooksESCSMagazine

Este artigo faz parte da edição digital de novembro de 2020 – Manual de Sobrevivência

Revisto por Miguel Bravo Morais

Fonte da foto de capa:Ariel

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *