7ª Arte

Without Remorse: Uma luta (quase) sem fim

Baseado no livro publicado por Tom Clancy, em 1993, Without Remorse é um spin-off da série de filmes “Jack Ryan”,que conta com Michael B. Jordan como John Kelly, a personagem principal. Também conhecido como “Tom Clancy ́s Without Remorse”, este filme de ação e aventura, com 1h49min de duração, foi lançado no dia 30 de abril de 2021 pela Amazon Studios, que comprou os seus direitos à Paramount Pictures. Dirigido por Stefano Sollima e reescrito por Taylor Sheridan, Without Remorse é um filme cheio de intriga que acaba por deixar os seus telespetadores cheios de inquietação.

Contudo, a produção do filme foi demorada. Em desenvolvimento desde 1993, várias barreiras foram erguidas ao longo dos anos, fazendo com que não tivesse pernas para andar, quer fosse por falta de financiamento, quer pela recusa do papel por parte de vários atores. Assim, em setembro de 2018, Michael B. Jordan foi anunciado como a estrela do filme e só passados mais de vinte anos é que as filmagens começaram de novo.

Michael B. Jordan como John Kelly. Fonte: filmSPOT.pt

O filme retrata, então, a vida de John Kelly, um Navy SEAL que vê a sua equipa e a sua mulher grávida serem mortas depois de regressar de uma missão. A sede que tem de se vingar de quem lhe tirou a sua família fala mais alto e vai à procura do verdadeiro responsável, mas ao longo do filme percebemos que a dimensão da história é muito maior do que aquela que antecipávamos. Kelly tem uma personalidade forte que não o deixa ir abaixo nos tempos mais difíceis e a sua garra e patriotismo deixam-nos colados ao ecrã o tempo todo, especialmente nos momentos de mais dedicação por parte do personagem.

Tudo começa na Síria, com John e a sua equipa em combate, onde resgatam um homem que não conhecem, mas que vai iniciar todo o enredo do filme. A Tenente-Comandante Karen Greer, protagonizada por Jodie Turner-Smith, é uma das suas grandes aliadas e, durante todo o filme, será a sua principal pessoa de confiança. Kelly procura vingança e vê em Robert Ritter (Jamie Bell) o vilão que tanto queria deter, mas percebe, ao longo de vários acontecimentos, que o mesmo não é quem procura. Restam-lhe poucas pessoas e as peças do puzzle começam a encaixar-se, até encontrar o verdadeiro culpado – acredita, só no fim é que vais realmente perceber quem é.

Jodie Turner-Smith e Michael B. Jordan como Tenente Comandante Karen Greer e John Kelly. Fonte: EMPIRE

Assim, fica já o aviso de que as pipocas podem acabar nos primeiros vinte minutos de filme. Todo o suspense que a produção carrega pode deixar os telespetadores com a impressão de que algo vai correr mal e essa mesma não vai a lado nenhum. A maneira como Michael B. Jordan interpreta John Kelly faz-nos sentir mais ligados à personagem, pois consegue intensificar de igual modo as partes de ação e de drama. Não baixa os braços até descobrir a verdade e faz de tudo para entender como, quem e o porquê de terem matado a sua família.

É de esperar que, ao longo do filme, John Kelly se torne um pouco paranóico sobre certos assuntos. Tudo à sua volta é guerra e morte, o que começa a modificar a sua cabeça e o seu pensamento, mas, quando ele e a sua nova equipa estão encurralados num prédio cheio de polícias à sua volta, as coisas começam finalmente a fazer sentido.

Michael B. Jordan e Lauren London como John e Pam Kelly. Fonte: FOX 11 Los Angeles

A verdade é que pouco vemos da mulher de Kelly, interpretada por Lauren London. Conhecemos um pouco da personagem no início do filme e só a vemos novamente quando Kelly está entre a vida e a morte, pois esta aparece nessas transições. Apesar de a sua morte ser o fio condutor para tudo o que a personagem principal vai fazer ao longo do filme, a presença de Pam, a sua mulher, é muito escassa e por vezes esquecemo-nos de que foi esse acontecimento que causou todo o enredo do filme. Contudo, todo o mistério e expetativa daquilo que pode vir a acontecer deixam-nos completamente vidrados. A certa altura, pensamos como é que Kelly vai sobreviver a tudo, mas o final do filme deixa-nos com uma pulga atrás da orelha.

Assim, se já viste Without Remorse ou agora que leste este artigo estás com vontade de ver, dou-te uma novidade: Michael B. Jordan já foi confirmado como John no próximo filme da saga, Rainbow Six, que vai contar com vários elementos nostálgicos para quem leu os livros e jogou os videojogos. A certeza está aqui e a esperança de ver novamente Michael B. Jordan a dar vida a John num filme que pode superar as expetativas de alguns telespetadores passa agora a ser uma realidade num futuro próximo.

Artigo redigido por Inês Policarpo

Artigo revisto por Maria Ponce Madeira

Fonte da imagem de destaque: IMDb

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *