Moda e Lifestyle

Teresa Guilherme e Claúdio Ramos apresentam juntos o Big Brother

Cristina Ferreira, atual diretora de entretenimento e ficção da TVI, começou por anunciar nas redes sociais que no programa “Dia de Cristina” do dia 21 de outubro ia ser desvendada uma grande novidade para a estação de Queluz de Baixo.

A tão aguardada revelação chegou bem perto do fim do programa. Cláudio Ramos e Teresa Guilherme são a dupla de apresentadores de uma nova edição do reality-showBig Brother”. Os melhores concorrentes da edição “BB2020”, que foi apresentada por Cláudio Ramos, e da edição “Big Brother – A Revolução”, ainda em exibição e apresentada por Teresa Guilherme, vão juntar-se no “Big Brother – Duplo Impacto”. A estreia está marcada para 2021.

Fonte: Imagem TVI, retirada da MAAG

Esta dupla de apresentadores tem uma forte ligação ao programa. Teresa Guilherme foi a primeira apresentadora do formato em Portugal. Corria o ano de 2000 e José Eduardo Moniz, diretor geral da TVI naquele ano, em conjunto com a produtora “Endemol”, trouxe o formato que mudou o panorama da televisão em Portugal – o Big Brother. Nesse ano, o vencedor foi Zé Maria. Contudo, o momento que ainda hoje está na memória dos portugueses foi a agressão de Marco a Sónia, chegando mesmo a ser notícia de abertura do Jornal Nacional da TVI. No nosso país, este formato já teve nove edições e oito delas foram apresentadas por Teresa Guilherme.

No ano de 2002 é exibida a 2.ª edição de “Big Brother – famosos” – em que um dos concorrentes era Cláudio Ramos. A sua participação foi duradoura no programa, saindo na penúltima semana e acabando em quarto lugar. Em conversa com Cristina Ferreira, no programa “Dia de Cristina”, Cláudio conta que chegou a confessar a Teresa Guilherme, enquanto concorrente, que gostaria de “ser um apresentador a sério”. Cláudio conta ainda que no final daquela edição, Teresa Guilherme disse-lhe que estava contratado e uma semana depois estava como repórter no programa “Rosa Choque”, da TVI. O apresentador continuou a construir a sua carreira, mas com especial destaque na SIC, onde trabalhou durante 18 anos. No início deste ano, Claúdio trocou a estação de Paço de Arcos pela TVI, para abraçar o projeto que diz ser um dos seus sonhos a nível profissional – o “Big Brother”.

Cristina Ferreira, no momento da revelação, chegou a dizer que era uma dupla improvável por tudo aquilo que se escreveu. Quando Cristina Ferreira deixou a SIC e voltou para a TVI como diretora de entretenimento e ficção, começou a fazer alterações e uma delas foi escolher Teresa Guilherme para apresentadora do “Big Brother – A Revolução”. Esta decisão gerou polémica, tanto na imprensa, como nas redes sociais, pois era dada como certa a apresentação de Cláudio Ramos.

Esta nova edição do reality-show vai contar, assim, com Teresa Guilherme e Cláudio Ramos na condução do programa – o que é histórico, pois este formato aconteceu apenas num país (Israel). Ainda ninguém sabe que concorrentes vão entrar na “casa mais vigiada do país”, nem mesmo os apresentadores. Cristina Ferreira disse que os concorrentes vão ser escolhidos por ela e pela equipa do programa, chegando mesmo a dizer em tom de brincadeira que os apresentadores apenas vão saber quem entra no programa no dia da estreia.

Artigo escrito por Diogo Ferraz

Artigo revisto por Lurdes Pereira

Fonte da foto de capa: Facebook da Cristina Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *