Bárbara Mota

Espera

Espera! Não vás. Tenho muito para te dizer antes de partires, Coisas para te confessar, Segredos para revelar, Obrigados para te gritar. Espera! Não podes

Ler mais »

A mulher e a Literatura

A mulher nasceu, escreveu e morreu. A marca das mulheres na literatura está presente em muito daquilo que lemos. Sensibilidade, amor, toque. Hoje falamos de

Ler mais »

És feliz. Eu sou forte.

Destruíste-me. Obrigada. Hoje estás feliz… com ela. E eu ainda choro a dor de o sonho se ter desmoronado. Nunca acreditei em sonhos; a irrealidade

Ler mais »
Arquivo