Moda e Lifestyle

É Primavera- tempo de rejuvenescer

O relógio marcava 9h37 e do outro lado da janela já se faziam ouvir as primeiras andorinhas que haviam chegado há pouco àquela que seria a sua casa por alguns meses. Aberta a janela, respirava-se ar puro, renovado, mas os pólenes começavam a fazer-se sentir nas fossas nasais. No fundo, entoava uma sinfonia de sons reproduzidos pelos restantes passarinhos pousados nas árvores já floridas. Era dia 20 de março, o início da primavera. 

Esta data é marcada pelo Equinócio da Primavera, momento em que o Sol incide perpendicularmente sobre a linha do Equador, posição em que a sua iluminação é igual nos dois hemisférios. Por essa razão, os dias e as noites possuem exatamente a mesma duração. Este acontecimento, quase transcendente aos nossos olhos, simboliza o fim de um ciclo – o inverno – e o início da estação primaveril. Para os mais espirituais – e também para os menos –, estamos perante uma nova era de rejuvenescimento, de prosperidade e de despertar da espontaneidade, por isso, é tempo de mudanças na nossa mente e na nossa casa.

Faz limpezas gerais à tua casa

Com a chegada da primavera, chegam também os dias solarengos, o que nos permite abrir janelas e arejar a casa. É hora das limpezas gerais e mais aprofundadas em tudo o que ficou esquecido no inverno. Nestes últimos tempos, em que estivemos mais em casa do que o habitual, isto torna-se ainda mais importante. A higienização do colchão, a sua mudança de posição e a limpeza dos filtros do ar condicionado são exemplos de limpezas que devem ser feitas em prol da nossa saúde e da conservação dos materiais. 

Fonte: Visão

Arrumar e destralhar – livra-te de coisas desnecessárias!

No seguimento das limpezas acabam sempre por vir as arrumações – são tarefas indissociáveis. No momento em que iniciamos as limpezas e libertamos espaço nas divisões, devemos aproveitar para fazer uma separação do que usamos ou não e do que já não precisamos para as estações que se seguem. O closet é um dos sítios por onde devemos começar e já há na revista um artigo que te pode ajudar na organização das tuas roupas. 

Fonte: Galwan  

A leveza da primavera invade um espaço no momento em que o despojamos de coisas desnecessárias e pesadas, como mantas de inverno ou almofadas que tornavam o espaço acolhedor. Isto leva-nos ao próximo ponto – mudar a decoração.

 Fonte: On Sutton Place

 Esta tarefa não significa, necessariamente, remodelar todas as divisões da casa. O que pretendemos é trazer uma “lufada de ar fresco” ao ambiente, através da mudança de certos acessórios que fazem a diferença. No sofá é hora de mudar as almofadas que é como quem diz trocar para umas fronhas com cores mais leves e retirar a manta ou trocá-la para uma mais clara, caso o frio ainda se faça sentir. O mesmo se aplica às cortinas e aos tapetes. 

Perfuma a casa

Se há algo que caracteriza a primavera são os cheiros. Aproveita o bom tempo para sair de casa e pelo caminho recolher plantas que possam trazer à tua casa um aroma perfumado – quanto mais natural, melhor.

Durante as tuas caminhadas poderás encontrar, entre muitas outras plantas, o jasmim, no alto de um muro ou de uma treliça, reconhecido pelo seu cheiro doce, ou os narcisos, igualmente cheirosos, que florescem pelos jardins. É importante que tenhas em atenção as plantas que misturas no teu arranjo, para que o aroma não se torne exagerado.

Cria a tua própria horta ou jardim

E porque primavera é sinónimo de harmonia com a natureza, nada melhor do que aproveitar a fertilidade associada a esta estação para semear e plantar produtos na horta para mais tarde recolher e saborear. Os morangos são um dos frutos prediletos do verão e mais fáceis de cultivar para quem tem pouco espaço na horta. Os morangueiros do tipo “remontantes” são aqueles que devem ser plantados na primavera e crescem continuamente entre junho e outubro. Aponta já este nome para fazeres a tua pesquisa! Também o tomate faz parte dos nossos dias mais quentes, devendo ser plantado ou semeado entre fevereiro e março, para que por volta de agosto o possamos colher. Existem inúmeras variedades, sendo que alguns deles crescem em altura e necessitam de estacas para se apoiarem. Tanto os morangueiros como os tomateiros necessitam de muita luz solar, para crescer, e de água em quantidades equilibradas.

Fonte: saber viver

Agora que as andorinhas já se apoderaram dos telhados das casas, o espírito primaveril está lentamente a invadir a tua mente, por isso, mete mãos à obra e aproveita o que esta estação te pode dar. 

Imagem de capa feita por Luísa Rosário Montez

Artigo revisto por Ana Sofia Cunha 

Avatar

Luísa Montez é redatora da ESCS Magazine desde novembro de 2020, tendo começado por escrever apenas para a secção de Moda e Lifestyle. Após o sucesso do seu artigo escrito, excecionalmente, para a secção de Grande Entrevista e Reportagem, decidiu aceitar o convite e fazer parte da mesma. Antes de entrar na ESCS já sabia que queria pertencer à revista, pois a escrita é um dos seus pontos fortes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *