Atualidade,  Informação

ESCS toma medidas de segurança no regresso às aulas presenciais

Foi no dia 6 de outubro que a Escola Superior de Comunicação Social deu início ao 1º semestre do ano letivo de 2020/2021. Depois de 3 meses de ensino à distância, devido à pandemia da Covid-19, as aulas voltam a ser presenciais, com a implementação de medidas de segurança.

De acordo com o comunicado publicado no site da ESCS, as aulas vão ser lecionadas em regime blended learning (presencial e online), sendo que a percentagem de aulas presenciais fica a cargo do responsável de cada unidade curricular. As salas de aula, laboratórios e auditório, a biblioteca e os espaços de estudo, têm um limite de capacidade afixado à entrada de cada um. Estes locais são desinfetados pela equipa de limpeza, pelo menos, três vezes por dia. Porém, se os docentes ou estudantes sentirem necessidade de higienizar o seu espaço, podem fazê-lo, utilizando os produtos e materiais disponibilizados pela escola.


Secretaria: o número limite de pessoas está afixado à entrada e é disponibilizada uma solução à base de álcool para a desinfeção das mãos.
Foto tirada por Ana Cardoso

No caso de, no mesmo dia, existirem aulas presenciais e online, os alunos têm a possibilidade de assistir ás aulas à distância nos espaços LM2, LM3 e Redação Multimédia, através do Zoom. No entanto, aconselha-se que os estudantes tragam os seus próprios computadores portáteis, bem como auscultadores.


O Bar e o Refeitório também estão a funcionar segundo novas regras. Em primeiro lugar, a utilização destes espaços é exclusiva para as refeições, não sendo permitida a permanência de pessoas para efeitos de convívio. Para além disso, os lugares disponíveis estão assinalados, bem como as distâncias de segurança nas filas de espera. Deve privilegiar-se o serviço take-away e, no caso do Bar, a esplanada ao ar livre. A limpeza e desinfeção do espaço deve ser garantida pelo concessionário do Bar e do Refeitório, segundo as normas e orientações da DGS.

Apenas são permitidas 2 pessoas por mesa.
Foto tirada por Ana Cardoso

Para além da obrigatória utilização da máscara e da higienização das mãos, os alunos devem seguir os percursos assinalados no interior da ESCS. Para evitar ajuntamentos, os elevadores apenas podem ser utilizados por pessoas de mobilidade reduzida.

Os percursos no interior do edifício estão assinalados por setas no chão.
Foto tirada por Ana Cardoso
É proibido utilizar os elevadores, exceto para pessoas de mobilidade reduzida.
Foto tirada por Ana Cardoso

As portas de entrada e saída estão também devidamente identificadas. À entrada, a medição corporal será realizada a quem o solicitar. Se o aluno apresentar febre ou qualquer outro sintoma (tosse, dores de garganta, dores musculares/articulares, dores de cabeça, dificuldades respiratórias, náuseas, vómitos ou diarreia), será acompanhado até à sala de isolamento. Caso se confirme a infeção com Covid-19, será seguido o protocolo do Plano de Contigência.

Artigo revisto por Inês Paraiba

Artigo da edição especial Manual de Sobrevivência

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *