• Atualidade

    Síntese do mês de maio

    Mudança de género aos 16 anos vetada por Marcelo Rebelo de Sousa O diploma tinha sido aprovado no passado dia 13 de abril, na Assembleia da República, e consagra a autodeterminação da identidade. O Presidente da República vetou o documento alegando a necessidade da assembleia esclarecer determinados pontos como a obrigatoriedade de um relatório médico prévio à decisão da mudança de sexo. Marcelo Rebelo de Sousa reforçou a necessidade de um debate mais amplo que envolva também a comunidade médica. A deputada do PS, Isabel Moreira, admite que uma alteração da lei pode ser feita mas não vai necessariamente de encontro ao pedido do Presidente da República. Com a aprovação…

  • Atualidade

    Costa demite-se se o Orçamento de Estado não for aprovado

    Primeiro-Ministro garante que sem o orçamento de 2019 não tem condições para se manter no cargo e coloca pressão sobre a esquerda. Líder Socialista aproveitou para elogiar geringonça e garante que acordo  é para manter negando a vontade de um bloco central com o PSD. Para António Costa “equipa que ganha não se mexe”, o primeiro-ministro aproveitou o uso de uma fórmula do vernáculo futebolístico para garantir que o acordo à esquerda é essencial, segundo o mesmo, para o “sucesso do país”. Numa entrevista ao Diário de Notícias, o líder do partido Socialista indicou que sem a aprovação do orçamento de estado de 2019 não há condições para continuar à…

  • Atualidade

    Sócrates abandona o PS

    Caso de Manuel Pinho levou a uma discussão no partido, o que forçou uma tomada de posição do antigo Primeiro Ministro. Notáveis do PS estão divididos.  António Costa diz-se surpreendido. José Sócrates anunciou num artigo de opinião publicado no Jornal de Notícias que vai abandonar o PS. A decisão acontece após vários militantes socialistas, terem quebrado o silêncio e considerado uma “vergonha” e uma “desonra” as suspeitas que recaem sobre o ex-primeiro-ministro e sobre Manuel Pinho, ex-ministro da Economia, que é suspeito de receber um vencimento privado com origem no GES (Grupo Espírito Santos) enquanto desempenhava as funções de ministro no governo socialista. O ex-primeiro ministro defende Pinho considerando-o um…

  • Atualidade

    Alterações na Lei dos contratos de arrendamento

    Novas medidas sobre habitação devem ser aprovadas esta quinta-feira em Conselho de Ministros. As medidas terão ainda de ser discutidas na Assembleia da República. O primeiro-ministro, António Costa, anunciou na passada segunda-feira a decisão de alterar as leis que regem o setor do mercado de arrendamento de habitações. A decisão foi anunciada e tem vindo a ser discutida em Conselho de Ministros mas pode ser aprovada já esta quinta-feira. A nova lei vem em sequência de mais de metade dos contratos de arrendamento serem de apenas de um ano e da situação precária de mais de 600 mil inquilinos em Portugal. A recente procura elevada de casas em Portugal, sobretudo…

  • Atualidade

    Previsto aumento do salário mínimo para 2019

    António Costa lembra que o Governo aumentou o salário mínimo nos últimos três anos e promete que em 2019 voltará a ser aumentado   No final do 45º jantar de aniversário do Partido Socialista, desta vez ocorrido em Almada, o secretário-geral do PS, António Costa, anunciou que o salário mínimo voltará a ser aumentado em 2019, como tem acontecido nos últimos anos: “A verdade é que aumentámos o salário mínimo em 2016, em 2017, este ano – e ficam já a saber que voltaremos a aumentá-lo em 2019”. Costa considerou que o governo derrubou o mito de que a competitividade económica se faz com baixos salários e também que teve…

  • Atualidade,  Sem Categoria

    Síntese do mês de março

    Limpeza das florestas: Governo adiou até junho a aplicação de multas O executivo de António Costa decidiu adiar a aplicação de coimas de forma a dar um prazo mais alargado para que proprietários de terrenos possam fazer uma limpeza melhor. A medida já tinha sido pedida pelo presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. Em causa está a tentativa do governo de minorar os efeitos de possíveis incêndios florestais este verão ― recorde-se que em 2017 mais de 100 pessoas morreram em consequência de vários incêndios florestais. Segundo um relatório encomendado pelo governo, a falta de uma limpeza correta dos terrenos é uma das principais causas de incêndios em Portugal.…

  • Atualidade

    Síntese do mês de janeiro

    Em 2018, a ESCS MAGAZINE apresenta-te todos os meses os principais temas que dominaram a Atualidade. Para assinalar o início da rubrica, relembramos as notícias que marcaram janeiro na síntese do mês.   Rui Rio eleito presidente do PSD Foi no dia 13 que Rui Rio venceu as eleições diretas para a presidência do Partido Social Democrata, derrotando Pedro Santana Lopes com maioria absoluta – 54% dos votos. O antigo autarca portuense sucede a Pedro Passos Coelho que anunciou a 3 de outubro do ano passado que não se recandidataria ao cargo – o qual ocupa desde março de 2010, na sequência dos resultados das eleições autárquicas de 1 de outubro.…

  • Atualidade

    Google traz hub tecnológico para Portugal

    A Google decidiu instalar em Portugal um centro que servirá para agregar fornecedores de serviços que trabalham com a multinacional nas regiões da Europa, Médio Oriente e África. Vai criar 500 postos de trabalho e abrirá em junho, em Oeiras. A multinacional norte-americana Google vai instalar a partir de junho um hub tecnológico em Portugal – um investimento que vai criar 500 postos de trabalho. O anúncio foi feito esta quarta-feira, por António Costa, em Davos. No final do ano passado, em declarações ao Expresso, o presidente da Google EMEA, Matt Brittin, reconhecia que tinha chegado o “momento de investir” em Portugal, apontando como vantagens do país o “bom estilo…

  • Atualidade

    Santana Lopes afirma a sua posição no PSD e lança farpas a Rio e Costa

    Numa sessão com centenas de apoiantes do PSD em Santarém, Santana Lopes falou da sua candidatura à presidência do partido e criticou Rui Rio e António Costa. O candidato às presidenciais do PSD em janeiro, Pedro Santana Lopes, assume que está na corrida à liderança do partido para recuperar o espírito social-democrata e unir o partido. Defende por isso que os seus militantes devem orgulhar-se da história do PSD e do trabalho de Pedro Passos Coelho enquanto antigo primeiro-ministro – caracterizando-o como a “salvação nacional”. Assim, critica as relações de proximidade existentes entre o seu adversário, Rui Rio, e o PS, relembrando a sua presença num almoço na Associação 25…

  • Opinião

    No meu tempo

    Este artigo é escrito ao abrigo do novo acordo ortográfico Não fui à minha viagem de finalistas. Recusei-me a manchar a minha reputação de misantropo pseudo-straight edge. Mal de mim se alguma vez eu me iria associar com a mentecapta ricalhagem com quem partilhava a sala de aula. O meu esquerdismo extraiu um pouco desta arrogância juvenil, mas não mexeu muito nas minhas convicções originais – continua-me a subir a bílis à boca sempre que sinto a presença de um snobe, de uma tia ou de um menino/a rico/a. Como podem imaginar por este discurso, não me arrependo de não ter ido. Os acontecimentos recentes em Torremolinos surpreendentemente não funcionaram…